Fiscalização detém invasões em áreas de proteção ambiental em Guarulhos

Construções irregulares em unidade de conservação no Parque do Itaberaba - Foto: Divulgação/Sema

Equipes do Departamento de Fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Sema) de Guarulhos realizaram na sexta-feira (27) duas ações simultâneas para combater construções ilegais em áreas de preservação e de proteção ambiental.

Na região do Parque do Itaberaba, no bairro Tanque Grande, foram encontradas construções irregulares em unidade de conservação. Os infratores foram encaminhados à delegacia e responderão judicialmente pelos seus atos. A ação foi realizada pela Sema, pela Polícia Militar Ambiental e pelos agentes do parque.

Já na região do Parque Mikail, nas proximidades do Campo da Paz, onde a fiscalização já vinha realizando ações para coibir um aterro ilegal e construções sobre uma lagoa em área de preservação, o invasor, que já havia sido autuado, continuava a construir e a aterrar o local, inclusive realizando ligação clandestina de energia elétrica, que foi novamente desligada. A operação foi realizada em conjunto por GCM Ambiental, EDP Energia e Sema.

Aterro ilegal e construções sobre uma lagoa em área de preservação no Parque Mikail – Foto: Divulgação/Sema

Um perito criminal da Polícia Civil esteve no local para constatar o roubo de energia e o infrator foi encaminhado ao 9º Distrito Policial, onde ficou detido com fiança fixada em dois salários mínimos.

A Prefeitura salienta que situações de invasão ou desmatamento devem ser denunciadas através do telefone 0800-772-2006. Não é necessário se identificar.