Blitz da Lei Seca fiscaliza 403 motoristas e flagra 38 casos de alcoolemia na cidade

Na noite de sábado (19) e madrugada de domingo (20) aconteceu mais uma operação da Blitz Integrada da Lei Seca “Tolerância Zero” em Guarulhos. Ao todos foram fiscalizados 403 condutores, o que resultou em 38 casos de alcoolemia (9,43%), sendo que 35 foram autuados por condução sob influência do álcool, enquanto outros três foram conduzidos ao 2o Distrito Policial por alcoolemia criminal (artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro)

A ação foi desenvolvida em cinco pontos diferentes da cidade: na avenida Paulo Faccini, no Trevo de Bonsucesso, na avenida José Rangel Filho, na Ponte Alta, além das rodovias Ayrton Senna e Presidente Dutra. A operação integrou as equipes da Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana (STMU) de Guarulhos, junto com o Grupo de Segurança Viária, composto pela Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil, Polícia Militar, Policiamento Rodoviário Estadual e Guarda Civil Municipal.

De acordo com a legislação, o condutor flagrado dirigindo sob a influência de álcool comete uma infração gravíssima, sujeito à multa no valor de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir por um ano, o mesmo cabe ao condutor que se recusar a realizar o teste (Lei Federal 13.281/16).

Redução de mortes no trânsito

A realização das blitzes fiscalizatórias tem contribuído para a redução de mortes decorrentes dos acidentes de trânsito.  Em comparação com as 121 mortes registradas de janeiro a setembro de 2018, houve uma redução de 36% no mesmo período de 2019, com 77 mortes. Além dessa operação, a Prefeitura de Guarulhos tem se empenhado com campanhas educativas e na revitalização das sinalizações viárias por toda cidade, que são fundamentais para tornar o trânsito mais seguro tanto para motorista quanto para pedestres.