Era do rádio e efervescência da música negra são tema de espetáculo com turmas da EJA no Bom Clima

Wilson Simonal (RJ, 23 de fevereiro de 1938 - SP, 25 de junho de 2000) - Divulgação

A era de ouro do rádio nacional e a efervescência da música negra que circulou nas ondas curtas e frequência modulada, entre os anos de 1940 e 1990, são o foco do espetáculo que os alunos jovens e adultos (EJA) da EPG Crispiniano Soares, no Bom Clima, apresentam nesta sexta-feira (22), a partir das 20h. O projeto integra as comemorações do mês da Consciência Negra com variada programação de leitura poesias, danças e show de calouros. A entrada é gratuita e aberta ao público em geral.

A apresentação teatral dos alunos da EJA conta com a simulação de três programas de rádio, um das décadas de 1940 e 50; outro de 1960 e 70; e o último, de 1980 e 90, além de dois locutores apresentando a programação.O evento é embalado com canções de compositores e músicos negros do cenário musical nacional e internacional que fizeram grande sucesso na era do rádio.

O espetáculo tem ainda o objetivo de celebrar o centenário de nascimento de Jackson do Pandeiro, importante compositor negro do início do século XX. Jackson do Pandeiro inovou com suas músicas e por cantar variados gêneros, como coco, samba-coco, baião, rojão, forró e marchinhas de carnaval.

Para professora de língua portuguesa Miriã Soares, é importante que todos os alunos participem, se envolvam com a proposta do projeto de valorização da cultura brasileira,composta, em sua maioria, pela música negra. O público vai poder ouvir e interagir com clássicos como Asa Branca, de Luiz Gonzaga;Descobridor dos Sete Mares, de Tim Maia; Canto das Três Raças, de Clara Nunes, entre outros artistas brasileiros consagrados, além de What a Wonderful World, de Louis Armstrong.

Além dos alunos do ciclo I e dos alunos surdos das classes bilíngues, a apresentação conta ainda com a participação especial dos professores da unidade escolar, que apresentarão um RAP de sua autoria, uma performance dos alunos com a música Olhos Coloridos, de Sandra de Sá, e a música Luz do Repente, de Jovelina Pérola Negra.

Serviço

A Era do rádio: contribuições da música negra (1940 – 1990)

Quando: sexta-feira, 22 de novembro, às20h

onde: EPG Crispiniano Soares. Rua Professor Vasco de Queiroz Guimarães, 289, Jardim Bom Clima

Entrada gratuita

Classificação livre