Polícia investiga suspeito de atear fogo e matar morador de rua em São Paulo

Suspeito ateia fogo num recipiente com líquido inflamável ao lado de catador de papelão - Reprodução de Vídeo
 

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP/SP) informou nesta terça-feira (7) que investiga um suspeito de ter ateado fogo e causado a morte de um morador em situação de rua, de 39 anos, ocorrida na madrugada de domingo (5). A vítima, identificada apenas como um catador de papelão, sofreu queimaduras enquanto dormia na rua Celso de Azevedo Marques, na Mooca, zona leste da capital paulista.

“O caso é apurado por meio de inquérito policial instaurado pelo 18º DP, que realiza diligências para esclarecer os fatos. Imagens de câmeras de segurança são analisadas e um suspeito investigado”, informou a nota da SSP/SP.

A vítima foi socorrida por populares e ainda com vida levada pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital do Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu nesta segunda-feira (6).

*Com informações da Agência Brasil