segunda-feira, 18 outubro 2021
- PUBLICIDADE -
InícioACIDENTEUcrânia não descarta ataque com míssil a avião que caiu em Teerã

Ucrânia não descarta ataque com míssil a avião que caiu em Teerã

O governo ucraniano não descarta a hipótese de o avião civil, que transportava 176 pessoas e que caiu nessa quarta-feira (8) na capital iraniana, Teerã, ter sido atingido por um míssil russo.

O secretário de Segurança de Kiev disse que está analisando vários cenários, como um ataque terrorista, a explosão do motor ou a possibilidade de o boeing ter sido alvo de um míssil antiaéreo.

Os investigadores ucranianos pretendem fazer buscas no local da queda do aparelho, à procura de destroços de um míssil.

O secretário de Segurança da Ucrânia, Oleksi Danylov, informou que participam do inquérito peritos que estiveram envolvidos na investigação da queda do voo MH17, da companhia aérea da Malásia, avião que foi abatido em 2014 por um míssil terra-ar disparado por separatistas russos em território ucraniano. O desastre provocou a morte a 298 pessoas.

Na análise do jornalista José Milhazes, especialista da Antena 1 para assuntos do Leste Europeu, a resposta estará nas caixas-pretas.

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, decretou dia de luto nacional, em homenagem às 176 pessoas mortas. Ele prometeu apurar toda a verdade sobre a tragédia.

Canadá

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, disse que os canadenses merecem uma resposta sobre as causas do acidente aéreo em Teerã, capital iraniana. Morreram na queda do avião 63 canadenses.

Luto nacional

O governo ucraniano decretou hoje (9) luto nacional pelas vítimas do acidente aéreo perto de Teerã, a maior catástrofe desse tipo na história recente do país.

“A fim de honrar a memória dos mortos, o presidente decretou que as bandeiras sejam baixadas a meio-mastro nos órgãos estatais, regionais, empresariais, estaduais e governamentais”, diz comunicado.

Zelensky prometeu uma investigação completa e independente das causas do acidente. “É uma prioridade para a Ucrânia estabelecer as causas”, acrescentou.

Queda não deixou sobreviventes

A queda do avião ucraniano perto da capital do Irã, Teerão, nesta quarta-feira (8), causou a morte de todas as 176 pessoas que seguiam a bordo, de acordo com as autoridades de emergência iranianas. As primeiras informações indicam problemas mecânicos como causas do acidente.

Entre passageiros e tripulantes, 176 pessoas seguiam a bordo do Boeing 737, que caiu pouco depois de decolar do Aeroporto Internacional Imam Khomeini, em Teerã. O avião tinha como destino a capital ucraniana Kiev.

A Cruz Vermelha iraniana confirmou que não há sobreviventes. Segundo informação divulgada anteriormente pela televisão estatal iraniana, 180 pessoas seguiam a bordo.

O governo ucraniano já anunciou a criação de um grupo para investigar o acidente.

“O avião caiu cinco minutos depois de decolar”, disse o porta-voz da aviação civil Reza Jafarzadeh. “O piloto não teve qualquer contato com a torre de controle e não anunciou qualquer situação de emergência antes do acidente”, acrescentou.

De acordo com Pir Hossein Kulivand, responsável pelos serviços de emergência do país, a maioria dos ocupantes era iraniano. Trinta e duas pessoas seriam de outras nacionalidades.

O aparelho da Ukraine International Airlines caiu em área agrícola, a sudoeste de Teerã, onde foi mobilizada uma equipe de investigação.

Um vídeo do acidente que circulou na agência de notícias Isna, mostrava o avião em chamas ainda no ar.

*Com informações da Emissora pública de televisão de Portugal, via Agência Brasil

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,473SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Auxílio Brasil deve beneficiar 17 milhões de brasileiros

Anunciado em agosto deste ano, o novo programa de transferência de renda, o Auxílio Brasil, deve substituir o Bolsa Família em novembro. Entrevistado do Brasil...

Guarulhos registra 25 mortes em decorrência da Covid-19 nesta quinta-feira

Em um período de 24 horas, Guarulhos registrou 25 mortes por Covid-19. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira, 14, pela Secretaria Municipal da Saúde, o...

Guarulhos inicia implantação de radiografia médica digital pelo Ambulatório da Criança

Nesta quarta-feira (13) a Prefeitura inaugurou no Ambulatório da Criança, Centro, o novo raio-x digital, sistema mais rápido que o analógico e que oferece...

Gala Lírica com a Orquestra Jovem homenageia o compositor Giuseppe Verdi neste sábado

Para dar continuidade ao 1º Festival de Ópera de Guarulhos, a Prefeitura apresenta neste sábado (16), às 20h, no Teatro Adamastor, espetáculo da Orquestra Jovem da série...

Última semana para solicitar isenção no Processo Seletivo do IFSP de Guarulhos e Grande...

Os candidatos interessados em pedir isenção da taxa de inscrição para o Processo Seletivo para ingresso nos cursos técnicos do IFSP têm até o dia...