Meio Ambiente afirma que podas em condomínio do Cecap estão corretas

Em resposta às queixas de moradores do Condomínio Minas Gerais, no Parque Cecap, quanto à forma como estão sendo podadas árvores naquele conjunto, a Secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura afirmou, por meio de nota da Assessoria de Imprensa: “Em atenção à demanda, informamos que as podas citadas estão sendo realizadas corretamente por equipe terceirizada, mediante laudo técnico e sob supervisão da Sema.”.




Inconformismo

As pessoas que entraram em contato com o Click Guarulhos entendem que as podas estão sendo feitas de forma muito radical, dizimando inclusive árvores frutíferas que estavam produzindo. Árvores bastante altas tiveram cortados os galhos abaixo das copas, enquanto os ápices foram mantidos, o que seria indevido na opinião dos moradores queixosos. Da mesma forma, segundo relatos, árvores de pau-brasil foram totalmente mutiladas, sendo que suas copas não aparentavam oferecer nenhum risco.



Depoimento

A síndica do Condomínio Sergipe, Regina, por telefone, disse que as podas atualmente são feitas por empresa contratada pela Prefeitura, depois de uma longa batalha enfrentada judicialmente pelos síndicos do Parque Cecap. Durante vários anos, os condomínios eram responsáveis pelas podas, até que uma lei municipal, de iniciativa do vereador Geraldo Celestino, definiu que conjuntos habitacionais populares, nos quais os do Parque Cecap se enquadram, poderiam receber os serviços custeados pelo Município, sob supervisão da Secretaria do Meio Ambiente.

Ela defende que podas têm de ser feitas, pois teriam sido plantadas árvores inapropriadas para ficar próximas aos blocos de apartamentos. Caso contrário, podem cair e causar danos materiais, como já ocorreu no Condomínio Sergipe. “Felizmente, danos pessoais nunca aconteceram, mas se uma árvore grande cair pode machucar alguém e até matar”, comentou. Indagada se concorda com a forma como as podas são feitas pelas empresas terceirizadas pela Prefeitura, respondeu que, como leiga, acha estranho que seja cortados galhos abaixo e mantidas as copas no ápice das árvores, mas não tem como se opor se quem entende do assunto aprova que assim seja feito.