PF e receita apreendem jóias, cocaína e anfetamina

 

A PF em ação conjunta com a Receita, no Aeroporto Internacional de São Paulo, apreendeu, entre os dias 14 e 15 de fevereiro, drogas e joias com passageiros de voos internacionais.

Foram três ações distintas. Na sexta-feira (14), duas brasileiras, de 55 e 49 anos de idade, desembarcaram de voo procedente de Zurich, na Suíça, e foram conduzidas pelos policiais federais para inspeção das bagagens e busca pessoal junto aos canais alfandegários. Presos aos seus corpos havia pacotes contendo joias, de alta qualidade, que foram apreendidas pela Receita Federal por não possuírem a documentação legal que autorizasse seu ingresso em território nacional, configurando o crime de descaminho.

Neste mesmo dia, servidores que atuam no controle migratório acionaram os policiais após perceberem que um passageiro, nacional da Letônia, trazia algo suspeito junto ao corpo. Na busca pessoal foram encontrados 5 volumes atados ao corpo do homem, de 31 anos de idade, contendo 4 Kg de cocaína. O suspeito, preso pelos policiais, pretendia levar a droga para Frankfurt, na Alemanha.

No sábado (15), um casal de argentinos, ela com 31 e ele 26 anos de idade, foi detido por servidores da Receita Federal, após terem sido selecionados para revista das bagagens, ao desembarcarem de voo procedente de Lisboa, em Portugal. Com o casal foram encontrados quase 60.000 comprimidos de anfetamina. Os suspeitos disseram que o destino final da droga era seu país natal para o qual viajariam de ônibus.