domingo, 23 janeiro 2022
InícioDESTAQUEGoverno de SP quer que shoppings e academias fechem

Governo de SP quer que shoppings e academias fechem

 

O governador João Dória determinou nesta quarta-feira (18) o fechamento de todos os shoppings centers, tanto da capital paulista quanto da região metropolitana de São Paulo, o que inclui Guarulhos, visando a deter a propagação do coronavírus. Os shoppings, a partir da quinta, 19, podem ir fechando gradualmente, até a próxima segunda-feira (23). O fechamento deve durar até o dia 30 de abril. A medida não se aplica a shoppings do interior e do litoral.

Em uma coletiva, Dória disse que as academias de ginástica na região metropolitana de São Paulo também devem encerrar as operações até domingo (22). Ele destacou que aglomerações em praias e clubes devem ser evitadas, e que idosos não devem sair de casa.

Porém, ao explicar as razões do fechamento de shoppings e academias, a secretária de Desenvolvimento Econômico do estado, Patrícia Ellen, disse que foi fruto de diálogo com entidades do setor, mas contradisse Dória, afirmando que não é uma determinação, mas uma recomendação. “O Governo de São Paulo recomenda o fechamento dos shoppings da capital e da Grande SP a partir da próxima segunda-feira (23). Não é uma determinação”

Medicamentos e escolas

O governo paulista anunciou a ampliação da entrega de medicamentos de alto custo de um para três meses para 830 mil pacientes em todo o estado.

Também devem estar fechadas, a partir da semana que vem, todas as escolas públicas de São Paulo. A suspensão gradual das aulas teve início na segunda-feira (16). Escolas particulares também foram orientadas a fechar as portas.

Linha de crédito

O Governo de SP anunciou ainda o lançamento de uma linha de crédito especial para empresas dos setores de turismo, economia criativa e comércio. O valor total do crédito já disponível para os empresários do estado é de R$ 500 milhões através do Banco do Povo Paulista.

“Hoje anunciamos mais R$ 375 milhões para conter os efeitos nocivos [do coronavírus] na economia de São Paulo. Com esta decisão, nos estamos alcançando R$ 500 milhões”, disse Doria.

Além disso, o governo determinou ainda que o fluxo de visitantes em unidades do Detran e Poupatempo seja limitado, para evitar aglomerações.

Outra medida anunciada nesta quarta-feira é fruto de uma parceria com empresas de telefone. Segundo o governador João Doria, 15 milhões de pessoas serão alvo de disparos de SMS gratuitos sobre condutas e procedimentos sugeridos para evitar a propagação do novo coronavírus a partir desta quinta-feira (19).

“O governo de São Paulo selou uma parceria com as operadoras de telefonia celular, isso é um fato importante e relevante, com a Vivo, com a TIM e com a Claro para disparos de SMS gratuitamente para toda a base de clientes do estado de São Paulo. São 15 milhões de pessoas que serão atingidas imediatamente com informações precisas e atualizadas sobre condutas, procedimentos, limitações e recomendações de saúde pública.”

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
2,828SeguidoresSeguir
1,505SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Câmara faz testagem para detecção de Covid em funcionários e terceirizados

Com o aumento no número de casos de covid 19 na Câmara, o Legislativo realizou a testagem de servidores e terceirizados para prevenir a propagação da doença. Na...

Centro de Inovação segue em ritmo de expansão em Guarulhos e outras localidades

A expansão do Centro de Inovação da Educação Básica Paulista (CIEBP) permanece a todo vapor para democratizar o acesso à tecnologia e inovação na...

Preço médio do aluguel residencial no Brasil avança 3,9% em 2021

As famílias que tentaram alugar um imóvel para morar em 2021 viram o preço das locações subir 3,87% ao longo do ano passado, de...

Maria Rita lota auditório do Sesc Guarulhos três dias seguidos

A cantora Maria Rita apresentou-se nas noites de sexta-feira e de sábado, 14 e 15, no Sesc Guarulhos e volta a fazer o show...

Pais ou responsáveis podem solicitar o CPF de crianças no Poupatempo

Menores de 16 anos que comparecem aos postos do Poupatempo em todo o Estado para serviços de RG (primeira ou segunda via), e que...