Brasil passa de 107 mil casos e chega a 7.321 mortes

Coronavirus
 

Dados atualizados do Ministério da Saúde, que emitiu dois boletins nesta segunda-feira, 4/5, apontam 107.780 casos confirmados de pacientes com covid-19. O número de mortes atribuídas ao vírus chegou a 7.321.

O Estado de S.Paulo responde por 32.187 casos confirmados (29,9% do País) e 2.654 mortes atribuídas ao vírus (36,25% do País).

Há um mês, o Brasil tinha 10.278 casos e SP respondia por 4.466 (43,4%). As mortes no País eram 431, das quais 260 (60,3%) eram no Estado de SP. Nesses 30 dias, a quarentena refreou o crescimento dos casos e mortes no Estado de SP, enquanto o vírus se espalhou por todos os estados brasileiros.


Subnotificação

Levantamento do jornalista Hélio Gurovitz, diretor de Redação da revista Época, mostra que nas cinco cidades com maior incidência do novo coronavírus no Brasil, o número de mortes por todas as causas, segundo dados do Portal da Transparência do Registro Civil, foi de 26.445, 30% mais do que nas mesmas semanas dos anos anteriores. Foram 6.061 mortes a mais. Nessas cidades, os falecimentos atribuídos à covid-19 foram 2.219, o que quer dizer que há 3.842 mortes identificadas como tendo outras causas a mais do que a média de outros anos. Isso leva a crer que, ao contrário do que muitos brasileiros apregoam, haveria mais mortes devidas à covid-19 do que as oficialmente atribuídas ao vírus.