Com 310 mil casos confirmados, Brasil chega a 20.047 mortes por covid-19

 

Dados desta quinta-feira do Ministério da Saúde, a partir dos que são transmitidos pelas secretarias estaduais da Saúde, apontam que pelo segundo dia consecutivo foram confirmadas mais de mil mortes, embora muitas delas tenham ocorrido em datas anteriores. Com 1.188 novos falecimentos, o Brasil chega a 20.047 mortes atribuídas ao vírus.

O total de casos confirmados de um dia para o outro é de 18.508, totalizando 310.087, a pouco de ultrapassar a Rússia, que está com 317 mil, e ficar atrás apenas dos Estados Unidos nesse triste ranking.

Apesar de serem números muito preocupantes, o único fator positivo é que o percentual de mortes em relação ao de recuperados foi ligeiramente reduzido. No Brasil, agora os óbitos representam 13,757% dos casos encerrados; já os pacientes recuperados, que são 125.960, representam 86,156%. Há poucos dias, o índice de mortes ultrapassava a 14%. O mesmo ocorre na estatística do mundo todo: as mortes somam 334.068, que correspondem a 13,844% dos casos encerrados, enquanto os recuperados são 2.078.933 pacientes, ou 86,156%.

No mundo todo, são 5.188.991 casos confirmados e 2.775.990 ativos.


SP e Guarulhos

O estado de São Paulo registrou às 16h desta quinta-feira, 21/5, o total de 73.739 casos confirmados e 5.558 mortes atribuídas à covid-19. Foram 3.864 casos confirmados em um dia, e 216 novas mortes.

Pelos dados divulgados pelo Estado, Guarulhos está com 1.809 casos confirmados e 187 óbitos. Pela estatística da Prefeitura, os casos confirmados são 1.572 e há 1.851 a averiguar; o total de mortes é de 191 e há outras 122 cujas causas ainda dependem do resultado de exames.