GCM intensifica operação contra cerol e linha chilena neste fim de semana

 

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos está intensificando neste fim de semana, dias 6 e 7, os trabalhos da Operação “Vem Buscar”, que tem por objetivo retirar das ruas o cerol e a linha chilena utilizados para empinar pipas.

Além de ilegais, esses materiais são perigosos e as principais vítimas são motociclistas e ciclistas, que podem sofrer danos irreversíveis, como a amputação de um membro e até mesmo a morte. Esses cortantes também ferem e matam animais silvestres, em especial aves. O cerol e a linha chilena são tão poderosos que podem causar danos à rede elétrica ao romper cabos de alta tensão, como aconteceu nesta semana em Guarulhos, deixando parte da população sem energia elétrica.

Na quinta-feira (4) os guardas apreenderam 36 itens, sendo cinco tubos de cortante, oito carretéis de linha e 11 sacos de pó de vidro moído num estabelecimento na rua Tubarão, no Jardim Cocaia, além de outros dois carretéis, oito latas de linha, um saco de pó de vidro e uma máquina elétrica de enrolar linha num comércio do Jardim São Judas.

A ação já conta com a apreensão de mais de 400 itens em bairros como Jardim Adriana, Parque Flamengo, Parque Continental I, Jardim Nazaré 1 e 2, Vila Rio de Janeiro e  Ponte Grande, além do Parque Linear Transguarulhense e do Rodoanel (na região do Jardim dos Cardosos), entre outros locais.

A operação inibe também aglomerações, uma vez que as pessoas costumam se reunir em grupos, desrespeitando as orientações de isolamento social, que é uma das formas de se combater o coronavírus (Covid-19).

Serviço

É importante que a população denuncie locais que vendem esses itens proibidos, bem como onde esteja havendo aglomeração para soltar pipas. A Central de Atendimento da Guarda Civil Municipal recebe chamados 24 horas, todos os dias da semana, pelos números 153 e 2475-9444.