quinta-feira, 9 dezembro 2021
- PUBLICIDADE -
InícioCIDADETaxa de cura da Covid-19 em Guarulhos sobe para 85%

Taxa de cura da Covid-19 em Guarulhos sobe para 85%

O Boletim Epidemiológico atualizado pela Secretaria da Saúde de Guarulhos na noite de quinta-feira (25) mostra que a taxa de cura das pessoas contaminadas pela Covid-19 subiu de 82% na semana passada para 85%, o que significa que dos 7.466 casos confirmados do novo coronavírus, 6.346 pacientes se recuperaram, 538 não resistiram às complicações causadas pela infecção e foram a óbito e o restante permanece em tratamento.

A mãe da recepcionista Maria de Lourdes Alves Neta, uma idosa de 64 anos que não terá o nome divulgado e é portadora de comorbidades, é um dos mais de 6.300 pacientes que venceram a Covid-19 em Guarulhos. Ela foi internada no Hospital Municipal de Urgência (HMU) no dia 14 deste mês com suspeita da doença e, no dia seguinte, saiu a confirmação: o teste foi positivo para o novo coronavírus. “Naquele momento confesso que cheguei a perder minhas esperanças, pois tinha noção que o quadro dela era grave devido aos problemas que já apresentava. Mas mantive a minha fé em Deus e confiei em toda equipe de profissionais do HMU, que cuidaram e deram toda atenção para a minha mãe como se fosse a deles”, explica a filha.

Maria de Lourdes conta que desde a recepção, pessoal da limpeza, administração e toda a equipe de enfermagem, a quem chama de “meus anjos de branco”, foram muito atenciosos e prestativos durante os nove dias em que sua mãe permaneceu internada no HMU. “Hoje você internar um familiar e não poder visitá-lo, não poder acompanhar o quadro de perto é muito angustiante e desesperador, mas eu tive a atenção de toda a equipe médica, que todos esses dias entrava em contato comigo para passar o quadro clínico da minha mãe”, conta.

Nesta terça-feira (23) Maria de Lourdes recebeu a ligação da equipe do HMU, dizendo que sua mãe estava curada da Covid-19 e de alta hospitalar. “Hoje me sinto uma vitoriosa, pois consegui trazer minha mãe para casa e curada. Então, o que tenho para passar a todos é que, por mais dolorosa que seja sua causa, jamais perca sua fé, confie em Deus e aprenda a confiar nos anjos de branco que são os profissionais da área da saúde, verdadeiros guerreiros que lidam com um inimigo invisível e devastador como esse vírus, o que não é fácil. A eles, todo o meu respeito”, destacou a recepcionista.

Circulação da Covid-19 por Região de Saúde

O boletim semanal, que mostra a situação epidemiológica da Covid-19 na cidade, revela que a Região de Saúde Centro registrou 815 casos a mais desde a última quinta-feira (18), totalizando 2.525, e com isso é a que concentra mais casos e óbitos, os quais subiram de 138 para 160 – a taxa de letalidade, contudo, baixou de 8% para 6,3%. Já a Região de Saúde Cantareira, que na semana passada contabilizava a mesma quantidade de óbitos que a Região Centro, hoje registra 146 mortes e 2.005 casos confirmados do novo coronavírus. Com isso também teve a taxa de letalidade reduzida, de 9,2% para 7,2%.

A Região de Saúde São João/Bonsucesso se mantém com os números próximos ao da Pimentas/Cumbica. São 1.346 casos e 110 óbitos e 1.373 infectados e 121 mortes, respectivamente. No site da Prefeitura (https://www.guarulhos.sp.gov.br/index.php/unidades-basicas-de-saude-ubs) podem ser conferidos os bairros de cada Região de Saúde. Além disso, um total de 217 notificações de Covid-19 atribuídas a Guarulhos não contêm informação sobre o local de residência dos pacientes.

Nesta semana a maior concentração de casos do novo coronavírus está na faixa etária de 40 a 49 anos, com 23,61% dos registros, seguida da população de 30 a 39 anos (25,59%) e de 50 a 59 anos (15,79%), sendo que as três faixas etárias somam 62,99% dos casos. Já 69,71% dos óbitos em decorrência da doença ocorreram em pessoas de 60 a 69 anos (25,28%), com 80 anos ou mais (24,54%) e entre 70 e 79 anos (19,89%).

Óbitos e taxa de ocupação de leitos

Dos novos óbitos registrados nesta quinta-feira (25) em decorrência do coronavírus, 15 são do sexo feminino e 13 do masculino. Todas as vítimas tinham mais de 60 anos e as mortes ocorreram entre 1° e 19 de junho. Uma morte, que ainda terá a causa investigada, foi registrada no Centro de Combate ao Coronavírus (3C-Gru). No local, onde 49 pessoas estão internadas, sendo 19 em UTI, 25 em enfermaria e cinco em observação, dois pacientes foram transferidos e outros sete receberam alta. Com isso, a taxa de ocupação de leitos municipais de UTI está em 69,5% e a de leitos clínicos em 55,5%.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,500SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

17º Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos apresenta vencedores

A Prefeitura apresentou os três ganhadores do 17º Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos em evento que aconteceu no último sábado (4) no...

Prefeitura do Rio de Janeiro cancela festa de Réveillon

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), anunciou neste sábado (4) o cancelamento das festas de Réveillon. Segundo ele, "respeitamos a ciência....

Encontro musical reúne artistas no Centro de Cultura Popular Carpição

Neste sábado (11), a partir das 18h, o Centro de Cultura Popular Carpição recebe o projeto Bonsucesso – Cultura e Tradição, encontro de artistas ligados a...

Ômicron, inflação e juros altos ameaçam crescimento do PIB

Uma retomada econômica efetiva, com a reversão dos resultados negativos que puseram o Brasil em uma nova recessão técnica, ainda deve levar um tempo para acontecer. A sinalização...

CadMóvel atenderá no CEU Pimentas até 3 de janeiro

A partir desta segunda-feira (6) até o dia 3 de janeiro os moradores da região dos Pimentas contam com o atendimento do CadMóvel no CEU Pimentas...