Festas em residências na Vila Rosália incomodam vizinhos

DCIM101MEDIADJI_0035.JPG
 

Morador da Vila Rosália queixa-se que têm havido festas em residências, com som em alto volume, avançando pela madrugada. E que, solicitando a presença da GCM, lhe foi informado que, em se tratando de habitação familiar, a Guarda só pode ir ao local e pedir para baixar o volume e que seria necessário comparecer a um distrito policial, registrar Boletim de Ocorrência e acompanhar o andamento.
Segundo afirmou, a GCM não consegue atender todas as ocorrências, por falta de viaturas e pessoal nos fins de semana e que, por isso, precisa priorizar os casos mais graves.


O reclamante cita outras cidades que têm legislação específica para coibir abusos de volume de som em residências. E que Guarulhos não tem uma lei nesse sentido, porque os políticos temem ser antipatizados pelo eleitorado. Sugere que algum prefeiturável tenha coragem de colocar o combate a esses abusos como plataforma de governo.

A demanda foi enviada à Assessoria de Imprensa da Prefeitura, para obter o posicionamento da Secretaria de Segurança Pública.

RESPOSTA DA PREFEITURA

A Guarda Civil Municipal (GCM) tem recebido várias denúncias sobre essa questão de perturbação do sossego público, principalmente nos finais de semana, quando a demanda aumenta. Embora a GCM tenha atuado de forma proativa para combater o problema, muitos acontecem de forma simultânea e impedem um pronto atendimento. Vale ressaltar, contudo, que todas as denúncias feitas através dos canais competentes (telefones 2475-9444 e 153) acabam sendo atendidas pela GCM.

foto meramente ilustrativa: SH Drone