terça-feira, 9 agosto 2022
PUBLICIDADE
InícioDESTAQUEGoverno quer revogar 1.220 atos normativos editados entre 1850 e 2018

Governo quer revogar 1.220 atos normativos editados entre 1850 e 2018

 

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou ao Congresso Nacional o texto de um projeto de lei (PL) que propõe a revogação de 1.220 atos normativos diversos, editados entre os anos de 1850 e 2018. O despacho foi publicado hoje (29) no Diário Oficial da União.

Em nota a Secretaria-Geral da Presidência explicou que esses atos, embora formalmente vigentes, regulamentam temas ultrapassados ou que já foram objeto de previsões mais atuais. Entre eles, por exemplo, leis sobre o Imposto do Selo, sobre matérias trabalhistas e sobre órgãos já extintos na estrutura administrativa, além de alteradores de leis já revogadas, como a antiga Lei de Falências (Decreto-Lei nº 7.661/1945), o pretérito Estatuto dos Funcionários Públicos Civis da União (Lei nº 1.711/1952) e os Códigos de Processo Civil de 1939 e 1973.

O projeto prevê a revogação expressa de 613 leis ordinárias, três leis complementares, uma lei delegada, 570 decretos-leis e 33 decretos legislativos. Segundo a Presidência da República, todos são considerados sem serventia no mundo jurídico. Como os atos contêm matérias de lei ordinária, eles estão sendo revogados por instrumento de igual força normativa, por isso são submetidos à apreciação dos parlamentares.

Acesso desburocratizado e transparente

“Trata-se de importante iniciativa do governo federal para facilitar o acesso desburocratizado, transparente e coerente aos operadores do Direito e cidadãos de forma geral do arcabouço legal brasileiro”, diz a nota.

O projeto de lei parte de um processo de trabalho contínuo da Subchefia para Assuntos Jurídicos (SAJ) da Presidência, que irá propor a revogação de tudo que for considerado desnecessário. “A iniciativa acontece diante da constatação da existência de uma ampla produção normativa no Brasil sem declaração de revogação expressa: são mais de 14 mil leis e mais de 11 mil decretos-leis”, destaca.

*Com informações da Agência Brasil

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,613SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

CEU Presidente Dutra recebe o Mutirão do CadÚnico no último sábado de agosto

A próxima edição do Mutirão do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) acontecerá no próximo dia 27 de agosto, das 9h às 14h, no CEU...

13ª edição do Mulheres que Cantam acontece nesta sexta-feira no Adamastor

Nesta sexta-feira (12), às 19h, o Teatro Adamastor recebe o projeto Mulheres que Cantam, show-live com artistas guarulhenses que tem como objetivo mostrar a força...

Lei Maria da Penha completa 16 anos neste domingo

A Lei nº 11.340/06, conhecida como Lei Maria da Penha que criou mecanismos para enfrentar e prevenir a violência doméstica e familiar contra a...

Há 16 vagas para curso de design de sobrancelha em Guarulhos

A Prefeitura de Guarulhos, em parceria com o Sebrae, receberá até o dia 10 de agosto as inscrições para o curso de design de sobrancelha com...

Guarulhos tem novo número de telefone para reparos na iluminação pública

Os munícipes que necessitem solicitar manutenção de iluminação pública passam a contar com uma nova central de atendimento disponibilizada pela Prefeitura de Guarulhos. Os...