Mais de 900 mil proprietários de veículos já solicitaram a restituição do Seguro DPVAT em todo Brasil

Mais de 1,9 milhão de veículos em todo o Brasil estão aptos a receber restituição - Foto: Marcelo Camargo/ABr
 

A pouco menos de dois meses para o fim do ano, mais de novecentos mil brasileiros já solicitaram a restituição do Seguro DPVAT. O reembolso, direito de quem pagou o Seguro do exercício 2020 com o valor de 2019, está disponível desde o dia 15 de janeiro e varia entre R$10,98 e R$72,28, de acordo com a categoria do veículo.

Para solicitar o estorno, basta acessar a plataforma disponibilizada pela Seguradora Líder, administradora do consórcio que gere o Seguro, no endereço http://restituicao.dpvatsegurodotransito.com.br/ e preencher os dados solicitados. Se as informações estiverem corretas, o valor será depositado, diretamente na conta corrente ou conta poupança do proprietário do veículo, em até dois dias úteis.

Para realizar a solicitação é necessário informar:

• CPF ou CNPJ do proprietário do veículo;
• Renavam do veículo;
• E-mail e telefone de contato;
• Data em que foi realizado o pagamento;
• Valor pago;
• Banco, agência e conta corrente ou conta poupança do proprietário do veículo.

Restituições nos estados

Até o momento, em todo o Brasil, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Pernambuco são os estados com maior número de solicitações de reembolso.

Quantidade de restituições solicitadas por unidade federativa:

Valores a serem restituídos por categoria de veículos:

O valor do Seguro DPVAT é definido por tipos de veículos e, por isso, os proprietários que pagaram neste ano com os valores referentes a 2019 têm direito a restituição com valores distintos. Conheça abaixo os reembolsados em cada uma das categorias.

Atenta em garantir a proteção dos dados dos usuários do site, a Seguradora Líder adotou os padrões de segurança mais reconhecidos do mercado. Para se certificar da confiabilidade da plataforma, basta ficar atento ao ícone do cadeado na barra de endereços, antes do “restituicao.dpvatsegurodotransito.com.br”.

Para mais detalhes, é possível acessar o painel de informações clicando no cadeado. Ele mostrará se a conexão atual está ou não classificada como segura. A data em que o certificado de segurança foi emitido e a sua validade também podem ser consultados no link “certificado”.