Bilinguismo abre as portas para o futuro

 

Falar uma segunda língua, preferencialmente o inglês, está deixando de ser uma vantagem para se tornar uma necessidade. O progresso acadêmico e profissional está muito vinculado ao domínio desse idioma, de modo que quem tem essa habilidade encontra as melhores oportunidades, por ser realmente um diferencial.

Mais do que ter aulas de inglês, em uma escola bilíngue a criança vivencia experiências em outro idioma todos os dias. Isso significa que em vez de ter aulas de inglês pontualmente encaixadas na grade curricular, o aluno fará uso dos dois idiomas no cotidiano e, assim, ele aprende a raciocinar em ambos. Isso é essencial para a compreensão de outra linguagem: não apenas saber como traduzir palavras, mas como formular ideias, expressar-se e pensar em uma língua diferente da materna.

Veja também:

Outro ponto importante é que a criança tem mais facilidade para aprender um segundo idioma do que um jovem ou adulto. Durante a infância, as capacidades linguísticas estão se desenvolvendo com maior rapidez, por uma questão neurobiológica. Por isso, se a criança tiver contato com outra língua nessa fase, vai conseguir inseri-la em sua vida com maior naturalidade. Portanto, ao matricular um filho em uma escola bilíngue desde os anos iniciais, a família está criando as condições ideais para que esse aprendizado tão importante transcorra de forma tranquila e o acompanhe para o resto da vida.

As escolas bilíngues também trazem uma grande bagagem intelectual, pois não é somente o idioma que é trabalhado. Os estudantes acabam tendo maior familiaridade com as culturas das quais essa língua faz parte, nesse caso, o inglês. Esse processo também é essencial para que desde cedo a criança aprenda a entender a pluralidade cultural daquela sociedade, respeitando suas diferentes manifestações e entendendo a sua importância. Ou seja, o bilinguismo vai além de uma questão de linguagem pura e simples, mas oferece uma visão de mundo mais completa.

Além disso, a partir do momento em que uma pessoa aprende um segundo idioma ela adquire mais facilidade para se tornar fluente em uma terceira língua. Mais do que isso: os especialistas também apontam que esse indivíduo consegue compreender melhor a sua língua materna. Portanto, o bilinguismo tem influência positiva para o desenvolvimento e aprimoramento da comunicação.

Em resumo, garantir que seu filho tenha uma educação bilíngue é abrir para ele as portas do futuro, tornando-o mais preparado para alcançar o sucesso acadêmico e profissional, e para compreender o mundo que o cerca. É formar um adulto mais consciente e adaptado a viver na sociedade globalizada.

Fonte: Redaweb