Governo de SP anuncia ampliação do complexo de estações Vila Prudente do Metrô

 

O governador João Doria anunciou nesta terça-feira (9), ao lado do Secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, a ampliação do complexo de estações da Vila Prudente do Metrô, das Linhas 2-Verde e 15-Prata. Com investimento de R$ 54 milhões do Governo do Estado, essa ampliação vai inserir mais escadas rolantes, novos sanitários, uma área comercial e aumento da iluminação, melhorando o fluxo de circulação e trazendo mais conforto aos passageiros.

“São Paulo, entre trilhos e pneus, transporta mais de 8 milhões de brasileiros todos os dias na Capital. Este é um dos maiores sistemas de transporte urbano do mundo. Agora, com a ampliação do complexo das estações Vila Prudente, vamos aumentar a conexão da Zona Leste com a Avenida Paulista e com a ramificação para todo o complexo de mobilidade que o metrô e a CPTM permitem no uso do sistema público de transporte”, afirmou Doria.

Será elaborado um projeto executivo, seguido de obras que vão comportar melhor o aumento da demanda de passageiros previsto com a ampliação da Linha 2-Verde até Guarulhos – já em obras no trecho até Penha – e da Linha 15-Prata até Cidade Tiradentes – em licitação para o trecho até Jacú Pêssego.

Na estação da Linha 2, que é subterrânea, serão instaladas mais quatro escadas rolantes – duas em cada plataforma -, melhorando a fluidez dos passageiros e acesso aos trens. Para isso, as salas técnicas com equipamentos de ventilação serão remanejadas. Novos e maiores sanitários com cabines acessíveis serão construídos na área da integração, possibilitando a desativação dos atuais que estão no mezanino para aumentar a área de passagem.

“A Estação Vila Prudente estará preparada para receber novos passageiros que terão acesso à malha metroferroviária a partir da extensão das linhas 2-Verde e 15-Prata em direção ao extremo da zona leste, chegando também a Guarulhos. Além disso, milhares de passageiros que passam por aqui diariamente e fazem a transferência entre as linhas 2 e 15 terão mais conforto”, disse Baldy.

Também será feita a ampliação da entrada da Rua Cavour, com uma escada maior e rampa para melhorar a acessibilidade, além do aumento da iluminação. Nos corredores de ligação entre as duas estações, serão instaladas seis escadas rolantes e novos contadores de transferência de passageiros. Já na estação Vila Prudente, que recebe os trens do monotrilho (Linha 15), a iluminação do mezanino será reforçada.

O projeto vai melhorar o entorno do complexo com a reforma das calçadas, paisagismo e a construção de um espaço para uso comercial com acesso pelo lado externo da estação, voltado para a avenida Anhaia Mello. Também nessa avenida, será feito um recuo para a parada de veículos, facilitando a integração com táxis e outros transportes.

Além de trazer mais comodidade aos passageiros, as melhorias no entorno atenderão ao alto fluxo de pessoas da região que, após a chegada das estações, ganhou diversos empreendimentos comerciais, residenciais e instituições de ensino.

Os trabalhos ficarão sob responsabilidade do Consórcio Sinalta Robmark, que vai iniciar a elaboração do projeto executivo e depois as obras, previstas para começar no segundo trimestre. O prazo de conclusão é de 30 meses.