Oferta de vagas cresce 28% em janeiro

 

Houve aumento de 28,3% na oferta de vagas em janeiro deste ano, com 38.826 oportunidades cadastradas, de acordo com levantamento do Banco Nacional de Empregos – BNE e da plataforma de admissão digital Lugarh. No mesmo mês de 2020, foram 30.253 vagas disponíveis e, em 2019, foram 30.645. Segundo o BNE, as vagas no Brasil reduziram 7,16% no ano passado devido ao impacto causado pela pandemia.

Para o CEO do BNE, Marcelo de Abreu, janeiro costuma ter aumento de 77% na movimentação do mercado de trabalho. “Era esperado que, com a pandemia, janeiro de 2021 pudesse começar com menos força quando comparado a 2019 e a 2020, porém vimos um cenário muito mais otimista e até mesmo com aumento significativo de vagas cadastradas em nosso site”, conta.

O número de candidatos que cadastraram currículos no segundo semestre de 2020 foi 11% superior em relação ao mesmo período de 2019. Foram 741.960 registros no Banco Nacional de Empregos ano passado contra 665.396 no ano anterior. “Este dado aponta ainda que, além das empresas, os candidatos também estão movimentando para retornar ao mercado de trabalho”, comenta Marcelo.

Havia a expectativa de aumento da procura por empregos pelo contexto deste momento. “A chegada da vacinação foi essencial para o mercado de trabalho, pois as empresas voltaram a confiar em novos investimentos e em contratações. Além disso, as empresas e os candidatos devem ficar em alerta sobre os setores mais promissores de 2021, caso das áreas de tecnologia, logística, construção civil e saúde”, finaliza.