Guarulhos usará películas plásticas para eliminar o coronavírus dentro dos ônibus

 

A Prefeitura de Guarulhos inicia a aplicação nesta semana de películas plásticas nos bancos e barras de apoio da frota de transporte público que atende o município como forma de enfrentar a pandemia de Covid-19. A ação será possível graças à doação do “filme plástico” por parte da empresa Extrusa Pack, instalada da cidade, responsável pela produção do material que conta com tecnologia que elimina o coronavírus.

O prefeito Guti conheceu a tecnologia em visita realizada à fábrica na semana passada e autorizou o recebimento do material, por meio de doação da empresa, para que a instalação tivesse início. “Vamos começar a colocar nos ônibus para verificar como será o uso no dia a dia, junto aos usuários. Entendemos que se trata de uma importante colaboração para inibir a proliferação do coronavírus dentro dos coletivos”, disse. Ele lembrou que a aplicação do material não elimina a necessidade de outras medidas, como o uso de máscaras e de álcool em gel, além da higienização constante dos veículos.

A película será aplicada sobre os bancos e barras de apoio em toda a frota de ônibus municipais, que soma 858 veículos. A empresa, que já fabrica sacos para lixo antivirais desde 2016 (Pack Lixo), ajustou a produção e o maquinário a fim de produzir o filme plástico especial para “envelopar” superfícies, resistente, duradouro e reciclável. O material contém o aditivo d2pAM em sua composição. No ano passado, produtos com esta tecnologia foram testados pelo Laboratório Eurofins e pela Unicamp, sendo aprovados com mais de 99% de eficácia em ambos os testes. Outros ensaios realizados pela empresa de certificação britânica Intertek demonstraram que o plástico também elimina bactérias e fungos.

Inspirados em ações realizadas por grandes marcas no País que impactaram a sociedade no combate à Covid-19, os diretores da Extrusa Pack também queriam fazer algo para a sociedade. “Tínhamos o desejo de contribuir de alguma forma com o enfrentamento à pandemia, e como fabricamos os sacos para lixo com esta importante tecnologia só precisamos ajustar a fábrica e os equipamentos para produzir a película protetora ao contato. Sabendo da importância que o prefeito Guti tem dado ao enfrentamento do vírus, decidimos doar e aplicar os filmes. Os mais de 400 mil usuários passam a ter uma proteção extra no transporte público”, disse Gisele Barbin, gerente comercial da Extrusa.

Em Guarulhos desde 2004, a empresa procura apoiar instituições sociais que têm como objetivo produzir transformações comunitárias responsáveis. Desde 2018 colabora com as ações do Instituto JB12, organização que utiliza o esporte e a atividade física como instrumento para a formação humana de crianças e adolescentes da comunidade do Jardim Bela Vista.