quarta-feira, 22 setembro 2021
InícioDESTAQUEDaniel Dias é 4º nos 50m livres, última prova antes da aposentadoria

Daniel Dias é 4º nos 50m livres, última prova antes da aposentadoria

Maior medalhista paralímpico da história do Brasil, o paulista Daniel Dias disputou a sua última prova na carreira de atleta e terminou em quarto lugar nesta quarta-feira (1º) na prova de 50 metros livre da classe S5 (deficiência físico-motora) na Paralimpíada de Tóquio (Japão). Em janeiro deste ano, o nadador brasileiro anunciou que se aposentaria após Tóquio 2020. A carreira do brasileiro conta com 27 medalhas, sendo 14 ouros, sete pratas e seis bronzes.

Na prova de hoje (31), no Centro Aquático de Tóquio, o competidor brasileiro bateu a marca de 32s12. O paulista ficou atrás de três chineses: Zheng Tao (30s31) levou o ouro, Yuan Weiyi (31s11) a prata, e Wang Lichao (31s35) terminou com o bronze no peito.

Em Tóquio 2020, Daniel disputou seis provas e conquistou três medalhas de bronze: nos 200 metros livre (S5), nos 100 metros livre (S5) e no revezamento 4×50 metros livre 20 pontos (deficiência físico-motora). Em outras duas provas, nos 50 metros borboleta (S5) e nos 50 metros costas (S5), o multimedalhista ficou fora pódio terminando na sexta e quinta posição, respectivamente.

Nesta edição dos Jogos, o atleta foi afetado por uma reclassificação geral promovida pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês) em 2019. Vários atletas de outras classes passaram a S5, a mesma do multimedalhista, embora muitos tivessem deficiências menos severas que as do brasileiro. 

Daniel Dias - bronze - 100m livre - Paralimpíada - natação
Daniel Dias se despede das Paralimpíadas com 27 medalhas, três delas conquistadas na Tóquio 2020 – Reprodução Twitter/Comitê Olímpico Brasileiro

Natural de Campinas (SP), Daniel Dias tem má-formação congênita nos membros superiores e na perna direita. O atleta começou a competir em 2006 por influência do nadador paralímpico Clodoaldo Silva, após vê-lo na televisão disputando os Jogos de Atenas 2004 (Grécia).

Vida após aposentadoria

Mesmo fora das competições, Daniel quer continuar contribuindo com o esporte paralímpico. Ele se tornará o novo membro da Academia Laureus, formada por ídolos do esporte. Eles atuam na promoção de ações junto a jovens e votam na eleição dos melhores do ano no prêmio Laureus.

Daniel ainda é membro da Assembleia Geral do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e compõe a Comissão Nacional de Atletas no biênio 2020-2022. Ele quer ir mais longe, o paulista concorre a uma vaga no Conselho de Atletas do Comitê Paralímpico Internacional. A eleição acontecerá até o final de Tóquio 2020.

Além disso, o brasileiro vai manter o Instituto Daniel Dias, inaugurado em 2014. A entidade oferece treinamentos de natação paralímpica para pessoas com deficiência na cidade de Bragança Paulista, em São Paulo.



*Com informações da Agência Brasil

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,440SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

CEU Presidente Dutra terá ações para a população em vulnerabilidade no dia 2

No próximo dia 2 de outubro, sábado, das 9h às 16h, a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (SDAS) de Guarulhos irá promover no CEU Presidente...

Emprego no comércio paulista registra a maior alta mensal desde novembro de 2020

O mês de julho registrou a maior evolução mensal absoluta, desde novembro de 2020, do mercado de trabalho celetista no comércio de São Paulo....

Mulheres afegãs protestam contra uso da burca

"Não toquem nas minhas roupas" é o slogan da campanha que está se tornando viral nas redes sociais contra a imposição talibã do uso da burca. As mulheres...

Poupatempo realiza atendimento para inscrições de matrícula na rede estadual de ensino até sexta-feira...

O prazo para inscrição de matrícula aos interessados em ingressar na rede pública estadual de ensino foi estendido até dia 24 de setembro. O...

GCM recebe 83 denúncias de aglomeração no fim de semana

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos recebeu 83 chamados de perturbação ao sossego público e aglomerações em bares, praças e residências neste último...