sábado, 4 dezembro 2021
- PUBLICIDADE -
InícioCIDADEEDUCAÇÃOGoverno de SP anuncia R$ 1,5 bi para abono salarial de até...

Governo de SP anuncia R$ 1,5 bi para abono salarial de até 190 mil servidores do magistério

O governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (15), data em que se comemora o Dia do Professor, investimentos no valor de R$ 1,55 bilhão para o pagamento do abono salarial a aproximadamente 190 mil servidores do quadro do magistério da rede pública estadual, incluindo os temporários. O Projeto de Lei que autoriza o pagamento do abono será enviado para a Assembleia Legislativa de SP ainda no mês de outubro.
“Trabalhamos ao longo dos últimos 60 dias para poder fazer a homenagem ao Dia dos Professores ser de fato uma lição de amor e de reconhecimento. Vamos destinar R$ 1,55 bilhão para o pagamento de 190 mil profissionais do magistério, uma ação inédita de reconhecimento do Governo de SP”, destacou Doria.
O anúncio foi feito durante o encontro promovido pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) com a presença do Secretário Rossieli Soaras e de 1,7 mil profissionais da Educação, no auditório Simón Bolivar do Memorial da América Latina. Durante o evento, Doria também realizou homenagem a 11 profissionais de Educação, com a entrega da Medalha MMDC Caetano de Campos.
O pagamento do abono salarial acontecerá logo após aprovação do Projeto de Lei pela Alesp. A medida tem por objetivo cumprir o novo mínimo de 70% de gastos de pessoal, estabelecido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento para a Educação Básica (Fundeb), em caráter excepcional e transitório.
Todos os profissionais do quadro do magistério com exercício efetivo no ano de 2021, efetivos ou não, receberão o benefício. Integram o quadro do magistério: dirigentes regionais de ensino, diretores de escola, professores da educação básica I (PEB I), professores da educação básica II (PEB II), professores II, supervisores de ensino e coordenadores pedagógicos.  
O valor pago será proporcional à jornada de trabalho, calculada com base no tempo de serviço do profissional na rede estadual durante o ano e sua frequência. O servidor que manteve vínculo ativo na Seduc-SP durante o ano inteiro de 2021, receberá um valor referente aos 12 meses. Caso não tenha trabalhado o ano todo, receberá um valor proporcional ao seu tempo na rede. Por exemplo, os professores com carga horária de 65 horas vão receber R$ 16,2 mil e aqueles com 60 horas vão receber R$ 15 mil.
O Secretário da Educação, Rossieli Soares, destacou que o pagamento é uma ação inédita que demonstra o reconhecimento do Governo de SP aos profissionais do magistério da rede estadual. “Os professores e profissionais do magistério tiveram de se reinventar nesta pandemia. E o Governo de SP mostrou claramente o valor que dá a Educação neste período”, destacou.
Diferentemente do bônus, o pagamento do abono salarial não está atrelado a metas e não será incorporado aos vencimentos. Trata-se de uma medida excepcional para o ano de 2021.

Homenagem

Após o anúncio, um total de 11 profissionais da Educação receberam a Medalha MMDC Caetano de Campos, maior honraria concedida pelo Estado de São Paulo na área da Educação. Os homenageados foram selecionados por meio do projeto Reconhecer, da Seduc-SP, criado para incentivar e valorizar os profissionais que se destacaram no desenvolvimento de ações educativas durante o período de pandemia pela Covid-19 e que promoveram maior engajamento na aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes.

Lista dos homenageados:

1. Elisa Aparecida da Silva – Diretora da EE Professora Dirce Leopoldina Cintra Villas Boas – de Pindamonhangaba

2. Ana Paula Do Carmo – Diretora da E E Barão do Rio Branco – de Piracicaba

3. Giulianna Faria Silva – Diretora da EE Antonio Lerario – de Jacareí

4. Paula Beatriz de Souza Cruz – Diretora da E E Santa Rosa de Lima – de Sul

5. Jucilane Araújo Freitas – Diretora da E E Heckel Tavares – de Leste 2

6. Maria José Barreto da Silva – Professora da EE Professora Claudirene Aparecida José da Silva – de Sul 3

7. Bárbara Daniela Guedes Rodrigues – Professora da E. E. Prof. Sebastião de Oliveira Rocha (PEI) – de São Carlos

8. Eliane Marques Rocha – Professora da EE Professora Amira Homsi Chalella – DE São José do Rio Preto

9. Mayara Evelyn de Souza Abreu – Professora da E E Professor Rafael Orsi Filho – de Sorocaba

10. Silverli Stuque Alves – Professora da classe hospitalar do Hospital Infanto Juvenil de Barretos – Hospital de Amor, vinculada à E E Prof. Benedito Pereira Cardoso – de Barretos

11. Renilda Peres de Lima – Secretária Executiva – Seduc-SP

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,497SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Prefeitura de SP decide cancelar réveillon 2022

A Prefeitura de São Paulo decidiu cancelar o réveillon 2022 e manter a obrigatoriedade do uso de máscaras na cidade. Segundo secretário municipal da Saúde,...

Inscritos no Enem fazem neste domingo segundo dia de provas

Participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 fazem, neste domingo (28), segundo dia de avaliação, provas de matemática e de ciência da...

Novo endereço literário em Guarulhos: Mercalivros Vila Galvão

Os amantes dos livros podem contar com um novo endereço literário em Guarulhos. O Mercalivros, conhecido sebo da cidade, abriu novo espaço na Rua...

Teatro Padre Bento tem encontros quinzenais de Roda de Choro em dezembro

O Teatro Padre Bento irá oferecer nos dias 5 e 19 de dezembro, às 10h, os já tradicionais encontros de choro com clássicos renomados e...

UBS Vila Fátima e Ponte Alta estarão abertas neste sábado para atender a população

Neste sábado (4) as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) Vila Fátima e Ponte Alta estarão em funcionamento das 8h às 16h para prestar atendimento à população....