terça-feira, 18 janeiro 2022
InícioCANAISMULHERGuarulhos ganha unidade do Centro de Referência e Apoio à Vítima (Cravi)

Guarulhos ganha unidade do Centro de Referência e Apoio à Vítima (Cravi)

 

Na manhã desta terça-feira (30) aconteceu a inauguração do Centro de Referência e Apoio à Vítima (Cravi), na região central de Guarulhos (SP). Esta é a 7ª unidade do programa da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo, que oferece atendimento psicossocial e jurídico gratuito às vítimas violência e seus familiares. A unidade atende no mesmo prédio da Associação Brasileira de Defesa da Mulher, da Infância e da Juventude (Asbrad) na Rua Vera, 60, no Santa Mena.

O Cravi recebeu o nome de Janete Nakashima, mãe do deputado Márcio Nakashima, responsável pela destinação de R$ 250 mil de emendas parlamentares para a criação do novo centro. Janete se envolveu no ativismo no combate à violência contra a mulher após a morte da filha Mércia Nakashima, morta por feminicídio em 2010. Janete faleceu em decorrência do Covid-19 em 2021.

O atendimento será feito a partir de um convênio assinado entre Secretaria da Justiça e Cidadania e a Asbrad, presidida por Dalila Figueiredo.

Em Guarulhos, o Cravi conta com quatro salas, sendo uma para atendimento de grupos, duas para atendimentos individuais e uma para alocação da equipe técnica. Os técnicos de São Paulo capacitaram a equipe formada por um psicólogo, uma assistente social, um advogado e um funcionário administrativo. A coordenadora da unidade de Guarulhos será de Dalila Figueiredo, presidente da Asbrad.


Participações

A solenidade contou com a presença do secretário da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo, Fernando José da Costa; defensor público, Rodrigo Calejon; secretário da Justiça de Guarulhos, Airton Trevisan, deputado Márcio Nakashima (PDT); da fundadora e presidente da Asbrad, Dalila Figueiredo, e vice-presidente da OAB Guarulhos, Ivany Tavares e comandante regional da GCM, inspetora Mary Roseane, entre outros agentes públicos.

Discursos


Em sua fala, Marcio Nakashima saudou a todos os presentes, agradeceu o apoio recebido da família e destacou a importante parceria com a presidente da Asbrad. “Dalila é amiga e parceira nessa luta no combate e enfrentamento à violência doméstica mulher, contra as crianças e todo tipo de violência. Essa mulher é merecedora de todas as honrarias que forem possíveis nesse planeta”, disse.
O deputado lembrou ainda o impacto psicológico que é causado numa família quando um de seus entes desaparecem subitamente ou quando uma mulher é vítima de violência. “Infelizmente muitas dessas pessoas desaparecidas são vítimas de homicídio e isso vai impactando de forma muito negativa na nossa sociedade, na vida de nossas famílias, na vida das nossas crianças”, destacou.
A presidente da Asbrad agradeceu nominalmente cada uma das autoridades, lembrou o papel do Estado no combate à violência e concluiu: “Tudo o que eu desejo é que a gente faça um bom trabalho”.
Em sua participação, o secretário de Justiça de Guarulhos, Airton Trevisan, lembrou que existe um discurso segundo o qual o Estado cuida somente do “direito do marginal” e que os direitos humanos são apenas para quem está fora da lei. Disse Trevisan: “Nós, advogados sabemos que isso não acontece. Desde 1998 foi criado o Cravi, que é justamente para cuidar das pessoas vítimas de violência. Então hoje a gente agradece e enaltece essa atitude e nada mais justo que essa casa ter o nome da mãe do nosso deputado, cuja família tem no seio uma história de feminicídio conhecida nacionalmente, então essa casa vem ao encontro da necessidade de proteção da sociedade como um todo”.
O defensor público, Rodrigo Calejon, destacou o quão importante são as parcerias: “Para nós é extremamente importante as parcerias que fazemos, com todas as instituições, sejam elas instituições públicas ou privadas para o atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade”. Reforçando o que disse Trevisan, disse que “a vítima independe da sua situação”. Ele ressaltou que há algum tempo, mulheres, crianças ou adolescentes e negros em situação de vulnerabilidade não recebiam atendimento. Esses atendimentos, lembrou, são a essência da Defensoria Pública que com essas parcerias tenta tornar a sociedade mais justa.
Ao encerrar o evento, o secretário da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo, Fernando José da Costa, afirmou que as bandeiras defendidas pelo deputado Marcio Nakashima estão em sintonia com as do governo do Estado: “É prioridade neste governo a defesa da mulher e o combate a violência doméstica. Tolerância zero para quem pratica violência doméstica no Estado de São Paulo”, garantiu.

Serviço:
Cravi Guarulhos
Endereço: Rua Vera, nº 60, Santa Mena
(na sede da Asbrad)
A quem se destina: Pessoas vítimas de acidentes ou violência
Das 8 às 17h, de segunda a sexta-feira
Tel.: (11) 2465-1617
[email protected]

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
2,828SeguidoresSeguir
1,503SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Vedacit Vôlei Guarulhos estreia dia 20 na disputa pela Copa Brasil de Vôlei

Considerado um dos melhores times da temporada 2021-2022 da Superliga Masculina, o Vedacit Vôlei Guarulhos estreia na Copa Brasil de Vôlei 2022, no próximo...

Revista Weekend – Edição 424

https://issuu.com/revistaweekend/docs/weekend_424

Termina hoje a reaplicação do Enem 2021

A segunda aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 segue hoje (16) para candidatos de todo o país. As provas da segunda...

Casos de coronavírus no Brasil já superam pico da primeira onda

Em meio à nova alta que atinge diversas regiões do Brasil, a média móvel de novos casos de coronavírus nesta semana superou o pico...

Anac autoriza aéreas a voar com apenas três comissários

A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) autorizou as companhias aéreas Azul e Gol a realizar voos com menos comissários de bordo nos aviões em...