terça-feira, 25 janeiro 2022
InícioCIDADEVizinhos queixam-se de empresa de sucatas, que nega irregularidades; Cetesb fez vistoria...

Vizinhos queixam-se de empresa de sucatas, que nega irregularidades; Cetesb fez vistoria e não constatou poluição

 

Vizinhos da empresa Guarulhos Sucatas, situada na avenida Lauro de Gusmão Silveira, 307, no Jardim São Geraldo, região do Taboão, em Guarulhos, queixam-se de poluição que estaria sendo causada, citando que a operação de esteira de separação de materiais recicláveis estaria causando trepidação e barulho e que há dispersão de poeira e de fumaça, comprovando por fotografias e vídeos. Acrescentam que a fumaça costuma ser mais intensa após as 18h, supostamente porque nesse horário fiscais estariam fora de expediente.

Segundo os queixosos, a fumaça tem cores diferentes, dependendo do horário, o que leva a crer que essa variação dependa do material que está sendo tratado ou processado e suspeita-se que as cores indicariam presença de acetileno no ar.

O Click Guarulhos enviou questionamentos à empresa e também à Cetesb e à Prefeitura, indagando quais providências podem ser tomadas no sentido de averiguar essas reclamações.

Seguem imagens enviadas pela vizinhança, respostas da empresa e da Cetesb. Até o encerramento da redação desta reportagem, a Prefeitura não havia se manifestado.


Respostas

Guarulhos Sucatas alega que não expele nenhum agente poluidor



A empresa Guarulhos Comércio de Sucatas assim se manifestou:

“De início agradeço o respeito e consideração externados pela iniciativa em nos informar a respeito da  queixa que lhe sobreveio, mais uma vez intentada pelo mesmo vizinho contra o qual estaremos sendo infelizmente obrigados a adotar as medidas que se verificam por isso necessárias, diante da perturbação que vem o mesmo repetidamente nos causando sem qualquer amparo fático, legal e jurídico, em mostra de grave e inadmissível intenção de criar conflitos que vimos desde há muito tentando dirimir.

Temos plena ciência da responsabilidade de sua empresa para com a edição e publicação de notícias que veicula, e acreditamos que desta vez não será diferente.

Cumpre afirmar-lhes que o relato trazido a vocês não veio acompanhado das informações que por honestidade do denunciante deveriam acompanhá-lo, como se deveria.

Bem poderia ter o mesmo, se honesto fosse, ter trazido a seu conhecimento que com base nas mesmas descabidas alegações que agora retoma, havia efetuado uma denúncia escrita ao Ministério Público, dando causa à  Instauração do Inquérito Civil junto à Promotoria de Justiça Cível de Guarulhos, denúncia esta que foi  devidamente arquivada por falta de juridicidade do pedido de intervenção ministerial, conforme cópia que por dever de transparência ora se anexa.

Não satisfeito, na mesma ocasião a tal empresa vizinha, que se qualifica como “Nobre” Artefatos de Papel Ltda, propôs uma ação judicial, da qual veio depois a requerer desistência, sendo condenada inclusive a pagar honorários à nossa advogada, que à época, a nosso pedido, não efetuou a cobrança do que lhe era devido, vislumbrando-se o encerramento da animosidade e disposição em litigar sem nenhum fundamento, o que parece não ter surtido efeito algum.

No que se refere à expedição de questionamentos à Cetesb e Prefeitura Municipal a respeito das licenças e averiguação de nossas atividades, mais uma vez agradecemos a informação e como mostra de nossa inteira colaboração, firmamos que por força do segmento econômico em que atua, nossa empresa se enquadra como colaboradora do meio ambiente, posto que atua na coleta de resíduos e destinação adequada, em linha exatamente diversa da do denunciante, que se incomoda com nossa seriedade e crescimento empresarial.

Assim, mais uma vez agradecendo a cordialidade e transparência, esperamos apenas que sua empresa não incorra no equívoco de endossar a má intenção do denunciante, cujo intuito de prejudicar nosso bom nome está claramente exposto pelos desatinos que vem cometendo, pelos quais inclusive já foi vencido judicialmente, mas que agora enganosamente tenta renovar, ficando sempre à sua disposição para o que necessário se fizer.

Informo também que as fotografias que recebi neste seu último e-mail não retratam a existência de nenhum agente poluidor. Trata-se na verdade de vapores de água produzidos pela operação de trituração do material e que fotografados com a luz do ambiente podem mesmo induzir ao entendimento de se tratar de fumaça, o que não acontece de fato, uma vez que não se aplica nenhuma combustão em nosso processo de beneficiamento da sucata”




Cetesb afirma que atividade da empresa não depende de sua licença

A Cetesb – Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – havia informado que faria uma vistoria na área, para averiguar se a empresa permanece exercendo a mesma atividade, sendo que em caso afirmativo, afirmara entender que essa demanda deveria ser atendida pela municipalidade.

Histórico: A empresa em questão foi vistoriada, no ano de 2018, em atendimento a demanda do Ministério Público, oportunidade na qual foi constatada que se trata de empreendimento denominado Guarulhos Comércio de Sucatas Ltda., que exerce atividade não passível de licenciamento pela Cetesb.




Cetesb fez vistoria nesta quinta-feira e não viu irregularidades


A Cia. não voltou a enviar informações para o portal, mas a empresa Guarulhos Sucatas nos encaminhou cópia do Auto de Inspeção lavrado às 11h desta quinta-feira pela fiscalização, que compareceu em virtude da reclamação enviada pelo portal. Não nos foi autorizado, no entanto, que reproduzíssemos o documento, no qual o agente fiscalizador afirma que a empresa exerce atividade de processamento de sucatas metálicas e que não foram constatadas emissões odoríferas ou de gases no local.




- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
2,828SeguidoresSeguir
1,508SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Desconto de 90% em juros e multas da anistia termina na próxima segunda-feira

Os munícipes interessados em aderir ao Programa de Parcelamento Incentivado (PPI) da Prefeitura de Guarulhos têm até a próxima segunda-feira (31) para garantir o desconto...

Após 23 dias desaparecido, morador da Vila São Jorge volta para casa

Foi localizado em um hospital na Vila Maria, o sr. Robson Vitale, o Popó, morador da Vila São Jorge, desaparecido desde o dia...

Hopi Hari divulga programação da temporada de verão

O Parque Temático Hopi Hari traz uma nova temporada de espetáculos, tão acolhedora quanto um dia ensolarado de verão. A partir do próximo dia 27, o País...

Rio e São Paulo adiam desfile de carnaval para feriado de Tiradentes

Os prefeitos do Rio de Janeiro, Eduardo Paes e de São Paulo, Ricardo Nunes, decidiram em reunião virtual nesta sexta-feira (21) adiar os desfiles das escolas...

Rodovia Presidente Dutra chega aos 71 anos

Já são 71 anos de histórias. Histórias que vão e vem todo os dias. A Rodovia Presidente Dutra, considerada a mais importante do país,...