sábado, 28 maio 2022
- PUBLICIDADE -
InícioDESTAQUEPeso excessivo das mochilas pode causar sérios danos à saúde

Peso excessivo das mochilas pode causar sérios danos à saúde

 

A volta às aulas de 2022 é umas das mais esperadas de todos os tempos. Afinal, depois de 2 anos de ensino remoto, finalmente a maioria das crianças e adolescentes deve voltar para o ensino presencial nos próximos dias.

Apesar da expectativa e da alegria desse momento, existe um aspecto que não chama muito a atenção dos pais, mas deveria! Por isso, precisamos falar sobre a mochila escolar e como ela pode prejudicar a coluna e outras partes do corpo das crianças e adolescentes.

Peso e forma de carregar a mochila

O aspecto mais importante das mochilas escolares é o peso. Segundo a fisioterapeuta Walkíria Brunetti, especialista em RPG e Pilates, o problema mais crítico das mochilas é o peso.

“A maioria dos estudantes carrega um peso acima do que seria o recomendado. O cálculo do peso da mochila precisa estar de acordo com o peso da criança ou adolescente”.

A conta é muito simples: a mochila deve pesar até 10% do peso corporal de quem a carrega. Um exemplo: uma criança que pesa 40 kg deve carregar uma mochila de, no máximo, 4 kg.  

Além do peso, há um jeito correto de carregar a mochila. “As crianças e adolescentes costumam pendurar a mala em um ombro só. Isso afeta demais a saúde da coluna e a região dos ombros. A outra tendência quando se carrega peso demais é de curvar o tronco para frente, principalmente ao subir escadas ou uma ladeira, por exemplo”, comenta Walkíria.

Deformidade na coluna

A postura inadequada ao carregar a mochila, ao longo do tempo, pode causar curvaturas anormais na coluna, entre outros problemas.

“Entre as consequências estão o desenvolvimento de uma cifose, lordose, bem como o agravamento da escoliose em quem já tem. Há outro prejuízo quando se carrega a mala de um lado só do corpo, que é o desalinhamento do eixo corporal”, reforça a especialista.

Dicas para os pais

Felizmente, as crianças menores costumam usar as malas de rodinhas, ótimas para prevenir as lesões e problemas na coluna. Assim, é preciso prestar atenção nas crianças maiores e adolescentes que usam as mochilas tradicionais.


Mochila ou carrinho?

“Sempre que a criança aceitar, os pais devem investir na mochila com rodinhas, pois é o modelo ideal para prevenir lesões e alteração da postura. Contudo, é preciso ajustar o tamanho da mala à criança e manter uma postura ereta para puxá-la, sem fazer flexão lateral de tronco”, indica Walkíria.  

Peso

É muito importante que os pais supervisionem o peso da mala. Uma dica é ajudar a criança ou adolescente a fazer um calendário das aulas para levar na mochila apenas o material que será usado no dia.

Divida os materiais

Quando não for possível reduzir o peso da mochila, a solução é usar uma bolsa ou outra mala para dividir o peso. A ideia é levar a mochila nas costas e essa outra mala nas mãos. Claro, essa segunda bolsa não deve ser muito pesada.

Orientação para os adolescentes

Como a fase da adolescência é um pouco mais complicada, os pais precisam ter tato quando o assunto é a mochila.

“De vez em quando, procure segurá-la para se certificar de que o peso está adequado. Além disso, os pais podem e devem dar orientações de como carregar a mochila para evitar as lesões e alterações posturais”, diz a especialista.

Walkíria lembra que a má postura e movimentos que causam prejuízos na coluna, durante a infância e a adolescência, podem não ter um efeito imediato.

“Muitos problemas musculoesqueléticos que surgem no final da adolescência e na juventude podem ser uma consequência dos vícios posturais que se instalaram na infância. Por isso, a consciência corporal e a postura precisam ser ensinadas desde cedo”, finaliza.  

- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,574SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Jardim Adriana: reivindicação atendida e outra queixa de buracos

Moradores do Jardim Adriana enviaram mensagem ao Click Guarulhos, agradecendo pela intercessão que resultou no conserto de buraco que havia no cruzamento da rua...

Varíola dos macacos: Anvisa esclarece que não recomendou isolamento

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou uma nota nesta terça-feira (24) esclarecendo as recomendações feitas pela agência para retardar a entrada do...

Subsídio do Casa Verde Amarela aumentará em até 21,4%

O subsídio definido pelo governo federal para financiamento de imóveis do Programa Casa Verde Amarela, voltado a famílias de baixa renda, será ampliado em...

Mega-Sena deste sábado sorteia prêmio de R$ 100 milhões

O Concurso 2.485 da Mega-Sena, que será realizado hoje (28) à noite em São Paulo, deverá pagar o prêmio de R$ 100 milhões a quem acertar...

Serviço da Sabesp pode deixar Jd. Fortaleza sem água nesta terça-feira (24)

A Sabesp informa que realiza, nesta terça-feira (24/5), uma manutenção programada no sistema de abastecimento de água de Guarulhos localizado na estrada Tanque Grande....