quarta-feira, 17 agosto 2022
PUBLICIDADE
InícioCIDADEHospital Paulista realiza primeiro flash mob no Metrô de SP

Hospital Paulista realiza primeiro flash mob no Metrô de SP

 

Com o controle da pandemia de Covid-19, a flexibilização do uso de máscaras e a retomada gradativa das atividades presenciais, o Hospital Paulista, referência em otorrinolaringologia, promoverá ações para levar um pouco de música e alegria à população da capital paulista.

Para tanto, desenvolveu a campanha #soltaraminhavoz, que envolve atividades ao longo do mês de abril, em celebração ao Dia Mundial da Voz, lembrado em 16 de abril. O ponto alto da campanha ocorrerá em 13 de abril, quando diversos artistas se reunirão para um flash mob na estação Hospital São Paulo do metrô, chamando a atenção para a importância dos cuidados com a saúde vocal.

Na ocasião, serão realizadas 3 apresentações de 6 minutos, a partir das 14h30. A ação terá início com alguns artistas caracterizados, que começarão a cantar, gerando a atenção do público. No desenrolar da ação, cantores, bailarinos e violinista se incorporarão à apresentação, desenvolvendo trechos de quatro músicas (Sangrando/Tempo de Alegria/Dancing Days/Não quero dinheiro).

O primeiro flash mob ocorreu na loja Macy’s de Nova York, em 17 de junho de 2003. Depois disso, espalhou-se rapidamente por todo o mundo, tornando-se uma forma inovadora de performance que estimula o reaparecimento, ainda que passageiro e evanescente, de comunidades criativas, ao passo que respondem a uma gama de tópicos de relevância social. No Metrô de São Paulo, será a primeira realização neste formato.

“Com esta campanha, o Hospital Paulista quer ressaltar um conceito sobre a importância de cuidar da voz de forma a valorizar a sua relação com a alegria de viver, por meio da música. Queremos, principalmente, chamar a atenção da população sobre os cuidados com a saúde vocal, prevenção de doenças relacionadas e diagnóstico precoce, que aumentam muito as chances de cura”, destaca Dr. Braz Nicodemo Neto, diretor do Hospital Paulista.

A fachada do Hospital também receberá uma adesivação especial (gigantografia) no mês de abril, para conscientizar a população sobre a importância dos cuidados com a voz e os médicos e colaboradores serão presenteados com uma camiseta com o conceito da campanha, para que utilizem em 13 de abril e compartilhem suas fotos nas redes sociais, com as hashtags #soltaraminhavoz #pratevercantando #cuidedasuavoz.

Além disso, a Instituição fará o relançamento do Guia da Voz, produzido pelo Voice Center – Centro Especializado em Laringe e Voz do HP, que poderá será acessado via blog do hospital, além da criação de uma landing page em comemoração à data, com conteúdo informativo sobre a campanha e dicas importantes sobre a saúde vocal.

A campanha do Hospital Paulista recebe o apoio da Academia Brasileira de Laringologia e Voz (ABLV) e da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF).

A importância dos cuidados com a voz

Instrumento de trabalho para alguns e principal ferramenta de comunicação para todos os seres humanos, a voz é caracterizada pelo conjunto de sons gerados pela interação do fluxo de ar pulmonar com o aparelho fonador, dando vida às palavras e frases. Quando acompanhadas de ritmo, tornam-se música, gerando interação e alegria coletiva.

No entanto, conforme o otorrinolaringologista Dr. Domingos Hiroshi Tsuji, responsável pelo Centro Especializado em Laringe e Voz – Voice Center do Hospital Paulista, existem alguns distúrbios que prejudicam a saúde vocal e podem ser evitados, como rouquidão constante, cansaço e/ou dor ao falar e inflamações causadas por refluxos gastroesofágicos ou viroses, como os resfriados, além de lesões causadas pelo uso vocal.

Há também as lesões estruturais das cordas vocais, as pré-malignas e os tumores, benignos e malignos, além das doenças neurológicas como a disartria, que dificulta a articulação e o pronunciamento das palavras devido a uma alteração no sistema responsável pela fala, envolvendo músculos da boca, língua, laringe ou cordas vocais.

“Nem sempre é possível evitar estes problemas. No entanto, uma atitude que pode ajudar muito a minimizá-los é consultar um otorrinolaringologista desde o início de sintomas ou sinais, para diagnosticar a causa do problema vocal.”

Dr. Tsuji ressalta ainda a importância de os profissionais que utilizam a voz como instrumento de trabalho realizarem exames periódicos preventivos, capazes de identificar e possivelmente evitar o surgimento de algumas lesões inflamatórias relacionadas ao uso excessivo.

“Tomar alguns cuidados, como manter-se sempre hidratado, evitar gritar ou falar forte por longos períodos e evitar fumar ou consumir bebidas alcoólicas são importantes formas de prevenção a problemas vocais”, completa a fonoaudióloga do Hospital Paulista Bruna Rainho Rocha.

Bruna destaca que, além do otorrinolaringologista, em casos de desconfortos ou mudanças vocais, as pessoas também podem procurar por um fonoaudiólogo especialista em voz.

“O fonoaudiólogo é o especialista habilitado para avaliar tanto as questões da voz, como da comunicação, traçando objetivos para a fonoterapia. Além dos sintomas físicos, o profissional pode ser procurado sempre que houver algum desconforto que impacte a comunicação”, finaliza.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,614SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

Teatro Padre Bento recebe encontro do projeto Música e Filosofia

No próximo domingo (21), às 11h, o Teatro Padre Bento recebe encontro do projeto Música e Filosofia com o tema Como Construir o Futuro, com o palestrante...

Confira os candidatos a Presidência do Brasil nas eleições 2022

O Brasil terá 12 candidatos à Presidência da República nas eleições deste ano. Com o fim do prazo para registro das candidaturas no Tribunal...

Aliado de Bolsonaro no STF suspende recursos em ações contra o presidente

Pedidos de vista do ministro André Mendonça, aliado do presidente Jair Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal (STF), suspenderam o julgamento de uma série de recursos...

Hospital A.C. Camargo não atenderá mais pelo SUS; notícia repercute

A Direção do Hospital A. C. Camargo, conhecido popularmente como Hospital do Câncer, informou ontem que a partir de dezembro não mais atenderá pelo...

Conselhos tutelares atenderão em regime de plantão na manhã desta sexta-feira

Na próxima sexta-feira (19), no período da manhã, entre 8h e 12h, os Conselhos Tutelares de Guarulhos irão atender em regime de plantão, já que...