PUBLICIDADE
InícioDESTAQUEEDP alerta sobre segurança com a rede elétrica durante obras e reformas

EDP alerta sobre segurança com a rede elétrica durante obras e reformas

Publicado em
PUBLICIDADE

Pessoas ligadas à construção civil e a serviços de montagem priorizam os meses mais secos do ano, como os do outono, para reformas em residências, obras estruturais e instalações externas. A EDP, distribuidora de energia de Guarulhos, Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral Norte de São Paulo, alerta para os cuidados necessários com esses serviços em função do risco de acidentes com a rede elétrica.

De acordo com a edição de 2023 do Anuário Estatístico de Acidentes de Origem Elétrica editado pela Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade), foram registrados 853 acidentes que provocaram 592 mortes no Brasil em 2022. As redes de distribuição aérea de energia e os ambientes residenciais foram responsáveis por 69% desses acidentes, totalizando 411 mortes por choque elétrico.

“O uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), a adoção de um comportamento seguro e o conhecimento do ambiente de trabalho colaboram para a prevenção dos acidentes elétricos. A informação é a melhor ferramenta para que os profissionais possam desempenhar suas atividades sem riscos”, afirma Stevon Schettino, gestor de operação da EDP.

 

O gestor reforça ainda a necessidade da contratação de profissionais qualificados, do uso de materiais certificados e da elaboração de projetos elétricos.

Ambiente externo

No ambiente externo, uma das ocorrências mais perigosas e comuns durante as obras ou a instalação de estruturas é encostar ferragens ou ferramentas na rede de distribuição de energia da rua, principalmente quando se está sobre andaimes ou trabalhando nos andares superiores dos imóveis. No ano passado, foram 262 acidentes fatais na rede aérea de distribuição no Brasil, o que representa 44,3% do total de mortes. Além disso, para que o acidente aconteça, não há necessidade de se tocar a fiação. A aproximação com a rede já traz riscos de acidentes graves e queimaduras.

Ambiente interno

Na parte interna das residências, o cuidado maior deve estar na instalação elétrica. O anuário da Abracopel destaca as “falhas na isolação de condutores elétricos” como a segunda maior causa de acidentes dentro dos ambientes residenciais. São situações que envolvem o toque acidental em fios que estavam sem isolamento, como tomadas e instalações provisórias e irregulares. Instalações elétricas antigas e inadequadas, excesso de equipamentos plugados em uma mesma tomada e gambiarras com emendas malfeitas completam o mapa de risco.

Confira abaixo 10 dicas para que os serviços sejam executados em conformidade com as normas de segurança:

  1. Planeje a obra com antecedência e analise quais são os possíveis riscos, como altura da fachada para a pintura e proximidade da rede elétrica;
  2. Antes de movimentar estruturas metálicas, como barras de ferro, arames, calhas, certifique-se de que não há risco de encostar na rede elétrica;
  3. Cuidado com rolos, bastões de pintura e andaimes. Atenção para não esbarrar nos fios na hora de pintar a fachada;
  4. Toda obra deve ter um responsável técnico, que vai supervisionar todos os detalhes e minimizar riscos;
  5. Cheque tomadas e extensões para ter a certeza de que não estão sobrecarregadas;
  6. Examine a integridade da fiação elétrica: fios desencapados, danificados devem ser substituídos;
  7. Fios e conectores nunca devem passar debaixo de tapetes e carpetes, sob risco de incêndio;
  8. Tomadas, disjuntores e aparelhos elétricos devem ficar distantes de pias, torneiras e outros locais com água. Caso não seja possível, evitar o contato direto com os líquidos;
  9. A queima de fusível ou desarme dos disjuntores com frequência é indicativo de sobrecarga na instalação elétrica interna, sendo importante a análise de um técnico;
  10. A cada cinco anos, faça a manutenção de todo circuito elétrico da residência;

A EDP reforça a temática de segurança com energia elétrica na construção civil com ações contínuas em sua região de atuação, por meio de palestras educativas, entregas de informativos em lojas e empresas ligadas ao ramo. Vale destacar que, em caso de ocorrências que envolvam a rede de distribuição de energia elétrica, a Concessionária deve ser contatada imediatamente pelos canais de atendimento:

Serviço

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE
Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE