PUBLICIDADE
InícioCIDADEPIB da região de Guarulhos cresce 0,7% no primeiro trimestre de 2023,...

PIB da região de Guarulhos cresce 0,7% no primeiro trimestre de 2023, aponta Seade

Publicado em
PUBLICIDADE

Divulgado nesta segunda-feira (26) pela Fundação Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados), o Produto Interno Bruto (PIB) da região de Guarulhos apresentou um crescimento de 0,7% nos três primeiros meses do ano, mesma taxa apresentada pela Capital e desempenho superior ao do Estado, que cresceu 0,3% no período.

A região de Guarulhos engloba as 12 cidades do Alto Tietê e esta é a primeira vez que a fundação a inclui no levantamento.

Guarulhos foi a terceira que mais cresceu no Estado

 

Das 21 regiões analisadas pelo Seade, em 14 houve queda no PIB no período analisado. A região de Guarulhos foi a terceira que mais cresceu no Estado, ficando ligeiramente atrás da Região Metropolitana de São Paulo (0,8%) e da região de Osasco (1%). Guarulhos superou, além do PIB estadual, as regiões do ABCD (-0,4%), de Campinas (-0,3%), de São José dos Campos (-4,2%), de Santos (-2,1%), de São José do Rio Preto (-0,4%), de Ribeirão Preto (-0,3%) e de Presidente Prudente (-0,4%), entre outras.

A região de Guarulhos apresentou um desempenho ainda mais relevante, com crescimento de 1,9%, contra 0,3% da região do ABCD e 2,1% do Estado como um todo, isso de acordo com à comparação do primeiro trimestre deste ano com o mesmo período de 2022. Neste cenário, o crescimento do PIB da região de Guarulhos foi superior ao das regiões de Campinas (1,4%), São José dos Campos (0,4%), Santos (-2,2%), Ribeirão Preto (0,2%), Presidente Prudente (1,1%) e Franca (0,6%), entre outras.

A Fundação Seade também analisou o PIB dos quatro trimestres imediatamente anteriores, ou seja, entre abril de 2022 e março deste ano, e o crescimento da região de Guarulhos é ainda mais significativo: 3,9%, maior que o do Estado (2,9%), da Região Metropolitana de São Paulo (2,7%), da Capital (2,6%) e das regiões do ABCD (1,1%), de Osasco (3,1%), de Campinas (2,9%), de São José dos Campos (2,5%), de Santos (2,4%) e de Presidente Prudente (3%).

“O crescimento expressivo de Guarulhos e das cidades do Alto Tietê, principalmente nos últimos 12 meses, mostra o trabalho sério e comprometido que temos realizado ao longo dos últimos seis anos e meio tanto aqui na cidade quanto por meio das ações do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê)”, afirma o prefeito Guti.

O Condemat engloba as cidades de Arujá, Biritiba-Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mairiporã, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano.

Números do PIB

Ao final de 2022 a região de Guarulhos apresentava um PIB pouco superior a R$ 177 bilhões, contra R$ 3,2 trilhões do Estado, R$ 1,6 trilhão da Região Metropolitana de São Paulo, R$ 955 bilhões da Capital, R$ 174 bilhões da região do ABCD, R$ 181 bilhões da região de São José dos Campos e R$ 163 bilhões da região de Sorocaba.

O estudo completo pode ser verificado em https://pib.seade.gov.br/wp-content/uploads/sites/10/2023/06/PIB-regional-sao-paulo-primeiro-trimestre-2023-Regiao-metropolitana-puxa-crescimento.pdf.

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE
Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE