PUBLICIDADE
InícioDESTAQUEEstudante da Etec Bento Quirino desenvolve prótese inovadora para membros superiores

Estudante da Etec Bento Quirino desenvolve prótese inovadora para membros superiores

Publicado em
PUBLICIDADE

O empenho na busca por avanços tecnológicos com impacto direto na qualidade de vida das pessoas encontrou um protagonista na Escola Técnica Estadual (Etec) Bento Quirino, em Campinas. Samuel Andrade da Silva Lenso, aluno do curso técnico em Eletrônica, se destacou ao conceber um projeto revolucionário de prótese avançada para membros superiores amputados. Sua inovação promete inaugurar uma nova era na reabilitação, integrando conhecimentos de biomecatrônica e eletromiografia (EMG), técnica que monitora a atividade elétrica das membranas musculares.

O ímpeto por auxiliar um amigo, incapaz de controlar o braço direito devido a uma condição de nascença, foi a força motriz por trás deste notável empreendimento. “Ele tem o membro atrofiado, mas as conexões nervosas musculares funcionam. Meu objetivo é proporcionar-lhe, no futuro, uma solução que restaure o braço que ele jamais teve”, compartilha Samuel.

 

Sob a orientação dos professores Marcelus Guirardello e Regina Kawakami, o projeto desdobrou-se em diversas fases. Inicialmente, um modelo 3D foi concebido, baseando-se em exemplos do mercado, e refinado para oferecer maior conforto e praticidade no uso. A tecnologia de impressão 3D foi essencial para materializar a estrutura, seguida pela implementação dos sistemas internos para controlar os movimentos dos dedos e do pulso.

O diferencial distintivo reside na integração da leitura de ondas eletromiográficas, conferindo um controle mais preciso. Ao utilizar estímulos provenientes de músculos residuais ou circuitos nervosos ativos, a prótese apresenta uma resposta mais natural e eficiente, fomentando uma recuperação muscular mais eficaz, em sintonia com a funcionalidade do membro original.

Desafios e Triunfos

Próximo ao prazo para inscrições em feiras de ciências, Samuel enfrentou um contratempo significativo: a perda da parte escrita do trabalho devido à falha do disco rígido do computador, exigindo o reinício do processo. “Apesar do revés, o jovem superou as expectativas e cumpriu as etapas propostas”, relata a professora Regina. O esforço despendido valeu a pena, culminando na seleção do projeto como um dos finalistas da 11ª Mostra de Ciências e Tecnologia Instituto 3M. Esta competição reúne trabalhos desenvolvidos por alunos dos Ensinos Fundamental, Médio e Técnico de escolas públicas e privadas das regiões metropolitanas de Campinas e Ribeirão Preto.

O professor Marcelus destaca o conhecimento adquirido por meio deste desafio. “A experiência prática de conceber algo, construir e ‘meter a mão na massa’ proporciona um complemento valioso ao aprendizado em sala de aula”, conta ele.

Com o avanço do protótipo e pesquisas teóricas adicionais, o estudante almeja inserir sua solução no mercado, transformando-a em um produto que contribuirá para um futuro mais inclusivo e acessível a todos.

Esta notável iniciativa de Samuel Andrade da Silva Lenso não apenas demonstra a capacidade de inovação dos alunos da Etec Bento Quirino, mas também abre portas para uma abordagem transformadora na reabilitação de membros superiores, trazendo esperança e avanços significativos na vida daqueles que necessitam de próteses avançadas e funcionais.

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE
Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE