Prefeitura e Cetesb avaliam impacto de deslizamento no aterro do Cabuçu

Técnicos da Cetesb foram acionados e também visitaram o local para analisar o impacto ambiental - Foto: Divulgação

A Prefeitura, por meio das secretarias de Serviços Públicos e Meio Ambiente, informa que esteve no aterro sanitário de Guarulhos, no Cabuçu, para avaliar as causas, impactos ambientais e consequências do deslizamento de terra com resíduos, ocorrido neste fim de semana. Técnicos e especialistas da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) foram acionados e também visitaram o local para analisar o acidente.

Segundo nota oficial da Prefeitura, “devido a um deslocamento parcial de célula no aterro sanitário municipal de Guarulhos, na noite desta sexta-feira, 28, as atividades no local estão suspensas. A Prefeitura avalia os danos causados por esse incidente e aguarda levantamentos que estão sendo realizados pelas secretarias de Meio Ambiente e Serviços Públicos, junto à empresa que opera o aterro.”

O prefeito Guti, acompanhado dos secretários de Serviços Públicos, Edmilson Americano, e de Meio Ambiente, Abdo Mazloum, acompanhou a inspeção na área na manhã deste sábado, 29. Técnicos da Cetesb solicitaram que se providencie um “sistema de contenção para minimizar eventuais riscos”. Segundo a Prefeitura, a secretaria do Meio Ambiente está elaborando parecer técnico de vistoria para a adoção de “ações emergenciais”.
Os laudos devem ficar prontos em 15 dias. A empresa responsável pelo aterro não respondeu aos questionamentos do Click Guarulhos até a conclusão desta reportagem.

Biólogo faz alerta

Para o Biólogo Ericson Ferreira, que mora no bairro e denuncio o fato em vídeo gravado e divulgado na noite deste sábado, 29, no Facebook, o problema pode ser muito mais grave.

“Temos notícias de que a Cetesb, juntamente com técnicos da secretaria de Meio Ambiente e de Serviços Públicos estiveram no local. No entanto, eles não divulgaram a real dimensão do dano”, pontua Ericson.
Segundo ele, os responsáveis pela administração do aterro proibiram a entrada, inclusive de vereadores, que tentaram visitar o local. “Sendo assim, ainda não sabemos de fato o que pode ter sido afetado pelo deslizamento. De todo modo, medidas emergenciais precisam ser tomadas o quanto antes para evitar maiores problemas”, alerta o biólogo.

Coleta de lixo

Moradores de diversos bairros têm reclamado da interrupção e atraso no serviço de coleta de lixo nessa última semana de dezembro na cidade. “Devido a esse problema pontual, a coleta de lixo em alguns bairros de Guarulhos chegou a ser afetado, o que atrasou a prestação de serviço em determinados locais. No entanto, os serviços de coleta seguem com suas programações de final de ano em fase de normalização”, informou a Prefeitura.