Espalha Fatos de Sérgio Lessa – 04/12

 

Dura realidade

Apesar de ter obtido boa publicidade, a lei aprovada em 2010 pelo vereador Lamé, apelidada de IPTU Verde, até hoje não foi regulamentada, portanto nenhum benefício foi concedido para os pedidos relativos à “calçada cidadã”. Segundo fonte segura, centenas de processos estão parados aguardando um despacho, que pelo jeito não sairá tão cedo. Como ninguém cobra a regulamentação da lei, fica por isso mesmo. Do jeito que falam bem desta proposta aprovada era para estar bombando. Só que não! Todas as solicitações do benefício estão engavetadas. Lamentável!

Polêmica

A troca de farpas entre o vereador Romildo Santos (PSDB) e a secretária de Assistência Social, Genilda Bernardes, continua intensa. A petista reafirma que “nunca” esteve com representantes do Governo do Estado para tratar sobre o Leve Leite. De acordo com o tucano, o secretário estadual adjunto de Desenvolvimento Social, Felipe Sigollo, ofereceu o Programa para Guarulhos, mas “não houve interesse da Administração Municipal” em ajudar no processo de cadastramento.

Outra versão

Genilda garante que esteve com pessoas ligadas ao governo estadual somente para tratar dos repasses às entidades guarulhenses juntamente com o deputado estadual Alencar Santana (PT) e dos próprios integrantes das associações: “Eu também não estive em Brasília, como foi informado. Fiz sim uma reunião por teleconferência com um representante do secretário do Estado e com um membro do Ministério da Justiça, onde tratamos da política dos refugiados”, declarou.

Desafio

“Se o Romildo quiser podemos ir juntos até a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social para falarmos com o adjunto Felipe Sigollo. Desta forma poderá confirmar que não tenho o hábito de mentir” disse Genilda literalmente cansada de tanta polêmica. “Tenho uma boa relação com o secretário. O dia que ele quiser me chamar para tratar sobre o Leve Leite estou à disposição”, concluiu. Todo esse diálogo aconteceu ontem nas redes sociais, porém após as postagens de Genilda, o tucano manteve o silêncio e não se pronunciou. Melhor deixar quieto?

De olho

Quietinho, como quem não quer nada, o ex-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Guarulhos, Decio Pompêo Junior filiou-se ao Partido Verde. Com legenda garantida para vereador, o empresário ainda pensa se disputará ou não uma cadeira no Legislativo. Além disso, Decinho, que não é bobo nem nada, sabe que numa chapa pura majoritária, o convite para ser vice de Jovino pode lhe cair no colo. Se isso acontecer, não terá como recusar, já que é um mero soldado do partido. Só observo!