E aí, Prefeitura, vai esperar cair e machucar alguém?

O muro de uma casa abandonada, na rua José Esperança da Conceição, lado par, em frente ao 177, na Vila Moreira, está quase caindo, escorado apenas por um galho de árvore, que atravessa toda a calçada e chega a ocupar parte do leito da rua.

Essa situação persiste há cerca de um mês. Moradores das imediações temem que o muro caia quando uma pessoa estiver passando e provoque ferimentos. Outro receio é de que possa atingir veículos.

A rua é uma das poucas alternativas para quem se dirige da região da Vila Augusta para o Centro e é estranho que ninguém da administração municipal tenha tomado alguma providência para evitar problemas maiores.

A demanda será enviada à Comunicação da Prefeitura, para que encaminhe à Defesa Civil e/ou Secretaria de Desenvolvimento Urbano. Ao recebermos resposta, será aqui publicada.

O tronco da árvore está pressionando o muro; o galho que escora o muro impede a passagem de pedestres