Veja se Chapecó(SC) é mesmo exemplo de sucesso contra a covid

 

A cidade de Chapecó, situado na região Oeste de Santa Catarina, vem sendo apontada por internautas como um exemplo a ser seguido por outros municípios, porque, segundo postagens, teria vencido a luta contra o coronavírus. Vários internautas enviaram mensagens ao Click Guarulhos, cobrando que o portal publicasse a respeito dos resultados obtidos pela cidade catarinense.

Em vídeo postado nas redes sociais, o prefeito João Rodrigues (PSD) mostra um ambulatório com UTIs sem nenhum paciente. Cita a redução significativa do número de casos ativos de covid, de mais de 4 mil para cerca de 800. Comenta não haver segredo: o tratamento precoce, aliado a ampla testagem de pacientes e adoção de todos os protocolos de prevenção. Médico, o prefeito teve o cuidado de não definir no vídeo qual a medicação empregada, mas incentivou todos os demais prefeitos a adotar o que ele chamou de atendimento precoce, a ser aplicado assim que a pessoa apresente os primeiros sintomas.

Na quarta-feira, o presidente Jair Bolsonaro esteve em Chapecó na manhã da quarta-feira, 7/4, e elogiou as medidas adotadas pela Administração Municipal no enfrentamento à covid. “Conversei com o prefeito João Rodrigues e ele buscou a solução dando liberdade aos médicos, ele liberou os médicos para que eles dissessem o que o paciente pode receber. A minha intenção em vir aqui é para mostrar para o resto do Brasil o que foi feito”, disse Bolsonaro, após a visita ao Centro de Eventos de Chapecó, onde foi montado o Centro Avançado de Atendimento à Covid.

Os gráficos abaixo, postados no site do governo de Santa Catarina, mostram a evolução do número de casos e de óbitos na cidade de Chapecó. A cidade tem 224.013 habitantes e 32 mil casos confirmados de covid, o que equivale a 14,28% da população. O óbitos por covid ocorridos neste ano foram: 120 em janeiro, 202 em fevereiro, 333 em março e 37 nos 10 primeiros dias de abril, totalizando 554. Na proporção da população, isso representa 247 óbitos a cada 100 mil habitantes.

A título de comparação:

  • O Estado de Santa Catarina registra 12.016 mortes por covid, diante de uma população de 7,165 milhões de habitantes, proporção de 168 mortes a cada 100 mil habitantes.
  • O Estado de São Paulo atingiu 82.917 óbitos por covid, proporção de 188 mortes a cada 100 mil habitantes.
  • O Brasil soma 353.137 mortes por covid, proporção de 165 óbitos a cada 100 mil habitantes.
  • A cidade de Guarulhos registra 2.891 mortes por covid, proporção de 208 mortes a cada 100 mil habitantes.

Portanto, é possível que o chamado tratamento precoce tenha evitado que o número de mortes fosse ainda maior, mas, ainda assim, a proporção de mortes em relação à população é maior em Chapecó do que a verificada no Estado de Santa Catarina, no Estado de S.Paulo, no Brasil todo e na cidade de Guarulhos. A redução no número de internações, que permitiu o esvaziamento de UTIs e até receber pacientes de outras cidades pode ser creditada à testagem em grande escala, pois, assim, ainda que a pessoa não tenha tido sintomas é possível identificar com antecedência que ela tenha sido contaminada.

O prefeito João Rodrigues divulgou neste domingo que irá ampliar ainda mais a testagem, em todas as UBSs, e isolar as pessoas que testarem positivo: “Aqui será o lockdown inverso: vamos isolar quem está com sintomas. Tratamento precoce em Chapecó é tratar imediatamente”, afirmou.