PUBLICIDADE
InícioDESTAQUEMetrô de SP aceita liberar catracas para encerrar greve

Metrô de SP aceita liberar catracas para encerrar greve

Publicado em
PUBLICIDADE

O Metrô de São Paulo aceitou a proposta dos trabalhadores de liberar as catracas para encerrar a greve.

O sindicato afirma que orientou os funcionários a retomarem os postos de trabalho para que as estações possam ser abertas. (Leia Nota oficial abaixo)

 

Ainda não há informações sobre o horário da liberação.

O Metrô aceitou a proposta com a condição de que a toda a operação seja retomada.

A paralisação começou na madrugada desta quinta, incialmente por tempo indeterminado, nas linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e 15-Prata.

As linhas 4-Amarela e 5-Lilás do Metrô funcionam normalmente.

As três linhas afetadas pela greve respondem por 90% dos 2,8 milhões de passageiros transportados por dia por todo o Metrô de São Paulo.

Usuários relatam que foram pegos de surpresa e se aglomeravam em frente as estações. Por conta da paralisação, a CPTM, que opera normalmente, registra lotação e longas filas para acessar as catracas.

A dificuldade também era para embarcar nos ônibus alternativos e ou conseguir solicitar um veículo por aplicativo.

Nota Oficial

(…) A medida será colocada em prática, condicionada ao retorno imediato de 100% dos funcionários da operação e manutenção, para garantir a segurança dos passageiros. A liberação deve gerar prejuízo dificultando ainda a saúde financeira da empresa.

A Companhia reforça que tentou todas as formas de negociação, inclusive com a concessão de benefícios como o pagamento de progressões salariais. A empresa também cumpre integralmente com o acordo coletivo de trabalho e as leis trabalhistas.

Trens da CPTM

Os trens da CPTM também estão circulando, segundo a companhia, mas as transferências para as linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha do Metrô permanecerão fechada.

Já as transferências com as linhas 4-Amarela e 8-Diamante funcionarão normalmente nas estações Luz e Barra Funda.

EMTU

A EMTU informou que as linhas operam normalmente e que vai reforçar principalmente as integradas ao Metrô e à CPTM.

O rodízio municipal de veículos foi suspenso.

Mudanças em linhas de ônibus

A SPTrans criou duas linhas e reforçou a frota de 13 já existentes:

Linhas criadas 

  • Metrô Tucuruvi – Praça do Correio (circular)
  • Metrô Santana – Praça do Correio (circular) 

Linhas reforçadas

  • 175T/10 Metrô Santana – Metrô Jabaquara
  • 157P/10 Metrô Santana – Ana Rosa 
  • 2104/10 Metrô Santana – Term. Pq. D. Pedro II
  • 5290/10 Div. de Diadema – Term. Pq. D. Pedro II
  • 5106/10 Jd. Selma – Largo São Francisco
  • 574A/10 Americanópolis – Largo do Cambuci
  • 118C/10 Jd. Pery Alto – Metrô Santa Cecília
  • 9300/10 Term. Casa Verde – Term. Pq. D. Pedro II
  • 107T/10 Metrô Tucuruvi – Term. Pinheiros
  • 208V/10 Term. A.E. Carvalho – Term. Pq. D. Pedro II
  • 1177/10 Term. A.E. Carvalho – Luz
  • 233A/10 Jd. Helena – Term. Vila Carrão
  • 4310/10 ET Itaquera – Term. Pq. D. Pedro II 

Linhas alteradas

 A linha 178Y/10 Vila Amélia – Metrô Jardim São Paulo foi prolongada até o Metrô Santana, onde há mais opções de linhas de ônibus municipais para a integração.

 As linhas 5022/10 Vila Santa Margarida – Jabaquara, 5018/10 Shopping Interlagos – Jabaquara e 5018/31 Shopping Interlagos – Jabaquara deverão operar em sistema circular no Metrô Jabaquara.

Disputa sobre abono salarial

O Sindicato dos Metroviários informou que a categoria cobra o pagamento do abono, a revogação de demissões por aposentadoria e outros desligamentos realizados em 2019, além de pedir novas contratações.

Os grevistas chegaram a propor um dia de catraca livre como alternativa para não prejudicar a população, o que não foi aceito por questões de segurança.

Por meio de nota, o Metrô disse “não há justificativa para que o Sindicato dos Metroviários declare greve reivindicando o que já vem sendo cumprido pela empresa”.

*Com Informaçôes do G1 e Bom Dia SP

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE