PUBLICIDADE
InícioCIDADEExpresso Aeroporto de Guarulhos sairá da Barra Funda ainda no segundo semestre

Expresso Aeroporto de Guarulhos sairá da Barra Funda ainda no segundo semestre

Publicado em
PUBLICIDADE

Os passageiros que precisam se locomover entre as zonas Oeste e Leste da Capital Paulista terão mais duas opções de mobilidade com a chegada da Linha 13-Jade, via serviço Expresso Aeroporto, e da Linha 11-Coral na Estação Palmeiras-Barra Funda, que hoje atende a Linha 7-Rubi da CPTM. As novas paradas das linhas de trens ampliam as alternativas de transferências no sistema de trilhos e tornam mais rápidas as viagens na rede de transporte público metropolitano.

A partir do segundo semestre deste ano, os passageiros já poderão se beneficiar dos trens do serviço do Expresso Aeroporto (Linha 13-Jade), que chegarão em uma das plataformas da Estação Palmeiras-Barra Funda. Com isso, será possível chegar até a Estação Aeroporto-Guarulhos, fazendo conexão na Estação da Luz, por onde passam também as Linhas 10-Turquesa, 11-Coral, 12-Safira, além da Linha 1-Azul e Linha 4-Amarela de metrô.

 

Já no segundo semestre de 2024, os passageiros também passam a contar com a chegada da Linha 11-Coral na Estação Palmeiras-Barra Funda, o que encurtará a distância entre o Alto Tietê à Zona Oeste. A extensão da Linha 13-Jade para a Estação Palmeiras-Barra Funda possibilitou a implantação dessa estratégia pela Diretoria de Operação e Manutenção da companhia. A ampliação da linha pode diminuir a demanda na Estação Luz e fornecer aos passageiros uma alternativa de chegada às Estações Luz e Brás após a concessão da Linha 7-Rubi para a iniciativa privada.

Andamento das obras e testes de trens

As obras estão a todo vapor, mesmo com a premissa de gerar o menor transtorno possível ao passageiro. Nas plataformas que receberão as composições das linhas já é possível ver as placas indicativas sobre os novos destinos. Durante a madrugada, a estação e o trecho entre a Barra Funda e a Estação Luz se torna um grande canteiro de obras.

Na Linha 13-Jade a atuação no momento é para adaptar a via permanente (trilhos) e a rede aérea para receber os trens da Série 2500, além de adaptações de sinalização entre Luz e Palmeiras-Barra Funda. “Os testes já foram iniciados para que possamos ter mais informações sobre os ajustes que precisam ser feitos para que este modelo, o mais moderno da CPTM, possa chegar até o seu novo destino com rapidez e, principalmente, segurança”, afirma Pedro Moro, presidente da companhia.

Já na Linha 11-Coral, a linha mais movimentada de toda a CPTM, a atuação também se concentra em rede aérea, via permanente e sinalização, mas também na construção de uma nova subestação de energia entre Luz e Palmeiras-Barra Funda. A subestação vai garantir a distribuição da energia para alimentar as composições, após o aumento da circulação no trecho, que atualmente recebe o Serviço 710, que permite viagens entre as Linhas 7-Rubi e 10-Turquesa sem a necessidade de baldeação na Estação Brás.

Em agosto de 2021, a CPTM anunciou que a Linha 13-Jade iria chegar até a Estação Palmeiras-Barra Funda. Com valor de R$ 158 milhões, o contrato contempla a elaboração de projeto executivo, fornecimento e implantação dos sistemas. Dentre as atividades contempladas no contrato estão os sistemas de via permanente, rede aérea, sinalização e suprimento de energia.

*Com Informações da CPTM

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE

Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE