PUBLICIDADE
InícioCIÊNCIAInscrições abertas para a Mostra Brasileira de Foguetes

Inscrições abertas para a Mostra Brasileira de Foguetes

Publicado em
PUBLICIDADE

O objetivo da Mostra Brasileira de Foguetes (Mobfog) é ensinar a ciência de modo lúdico e divertido. As inscrições para a edição de 2024 estão abertas e são voltadas para estudantes dos ensinos fundamental, médio e superior. As atividades envolvem elaborar e lançar foguetes feitos de papel, canudinho, garrafa pet ou de tubo de pvc. Até o dia 1º de maio, as escolas participantes, não inscritas ou com cadastro inativo, podem inscrever seus alunos pelo link app.oba.org.br .

A Mobfog é dividida em 5 níveis. O nível 1 é destinado aos alunos do 1º ao 3º ano do fundamental. O objetivo é construir e lançar foguetes de canudo por impulso de ar comprimido. No nível 2, estudantes do 4º ao 5º ano lançam foguetes de papel, movidos por impulso de ar comprimido.

 

Já o nível 3 é para os matriculados entre o 6º e o 9º anos, que precisam elaborar e lançar foguetes de garrafa pet movidos com água e ar comprimido. No nível 4, alunos do ensino médio lançam foguetes movidos com vinagre e bicarbonato de sódio. Já no nível 5, alunos do ensino médio ou superior lançam foguetes de propulsão sólida.

Prazo da prova

Os estudantes podem lançar os foguetes até o dia 17 de maio. Para validar a participação, as escolas precisam enviar, de 18 a 31 de maio de 2024, as informações sobre os alcances dos foguetes para a organização da Mobfog.

Melhores medalhistas

Os que obtiverem as melhores colocações dos níveis 3, 4 e 5 serão convidados para participar das Jornadas de Foguetes, que acontecem na cidade de Barra do Piraí (RJ). A programação conta com palestras e oficinas práticas sobre astronáutica, astronomia e ciências afins, com astrônomos e especialistas, observação das constelações, apresentação de alunos e lançamento de foguetes numa pista de pouso. Além disso, os participantes lançam seus foguetes e podem receber medalhas e troféus.

A programação também conta com o planetário itinerante da OBA. Durante as sessões, alunos e professores recebem uma aula sobre as constelações, com imagens transmitidas por um projetor no teto de uma cúpula inflável.

Objetivo

Segundo o professor João Canalle, coordenador da Mobfog e da OBA, o objetivo é mostrar que o estudo pode ser algo emocionante na vida do aluno e que é possível aprender ciência de modo lúdico e divertido.

“Durante as atividades, os jovens conseguem aprender sobre física, astronáutica, química e astronomia, além de absorver lições sobre trabalho em equipe, liderança e inteligência emocional”, comenta.

Edição anterior

Em 2023, participaram da Mostra Brasileira de Foguetes 288.984 estudantes de todos os estados brasileiros. No total, foram distribuídas quase 22 mil medalhas, de ouro, prata e bronze para os 5 níveis.

Organizadores

A OBA e a Mobfog são realizadas pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e contam com o apoio da Agência Espacial Brasileira (AEB), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), deputados Federais Tabata Amaral, André Janones, Vitor Lippi, senador astronauta Marcos Pontes, UERJ, e é patrocinada pela Universidade Paulista (Unip), Centro Universitário Facens e BTG Pactual. A OBA tem como embaixadores os canais Manual do Mundo, Space Today, Física Total e AstroBioFísica.

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE
Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE