Vem aí “Vida a granel – histórias de supermercado”, novo livro de César Magalhães Borges

O poeta, escritor e professor César Magalhães Borges prepara o lançamento de seu décimo livro, “Vida a granel – histórias de supermercado”, sua primeira incursão literária totalmente em prosa.

O livro é resultado de sua participação, como cronista colaborador da Revista SuperHiper, publicação da Abras – (Associação Brasileira de Supermercados), entre 2008 e 2015.

A publicação é destinada a lojistas de todo o Brasil e, nesse período, Marlucy Lukianocenko era a editora-chefe e Wagner Hilário era o subeditor. César conta que foi a convite de Wagner que escreveu sua primeira crônica para a página Cotidiano, “Marque na caderneta”. “Sinceramente, não pensei que eu teria muito mais a dizer sobre o tema. Ledo engano… Logo que vi a primeira crônica publicada, senti que ainda havia muitas histórias a contar, pensamentos a desenvolver, certo que a vida passa pelos corredores das pequenas vendas, armazéns, mercados e grandes supermercados. Vi, assim, que muitas experiências humanas poderiam ser narradas e me pus a trabalhar”, relata.

     Ao longo de quase sete anos de colaboração, a SuperHiper, uma revista mensal, publicou 28 crônicas de sua autoria, das quais 27 aparecem no livro. Ele somou a elas outras duas histórias: “Bandeira 1”, escrita em 2015, e “Pesos e medidas”, escrita em 2019, quando a feitura de “Vida a granel” já estava em curso.

     Embora, no intervalo de tempo em que esteve ligado à SuperHiper, a tiragem fosse de 35 mil exemplares, como a forma de distribuição é exclusiva entre lojistas de supermercados, César teve raríssimas oportunidades de contato com leitores, algo do qual um escritor sente falta…

     Foi daí que surgiu o desejo de reunir essas histórias em um só volume. O autor percebeu alguns traços que ligam as narrativas e o levaram a organizar o livro da forma que segue:

     “eu” – histórias – não necessariamente autobiográficas – narradas em primeira pessoa.

     “refletido” – crônicas que dão menos ênfase ao “contar histórias” e que se voltam mais à reflexão sobre o tempo, a vida, a cultura, os costumes…

     “outro” – histórias e diálogos traçados em terceira pessoa…

     “Com essa divisão, reafirmo Rimbaud – ‘eu é o outro – e, também, seu reverso: o outro sou eu”, brinca César.

Foto de Felipe Tié

________________________________________________________________

Vida a Granel (histórias de supermercado)

Editora Reformatório

Arte de capa: Laís Lacerda

Prefácio: Wagner Hilário

Texto de orelha: José Alaercio Zamuner

Texto de contracapa: Marlucy Lukianocenko

Lançamentos:

– 19/ novembro – às 19 h, na Livraria Tapera Taperá – Galeria Metrópole – 2º piso – Av. São Luís, 187 – República São Paulo

– 07/ dezembro – às 17 h, no Espaço Novo Mundo (antiga Livraria Nobel) – Av. Salgado Filho, 1453 – Centro de Guarulhos (próximo ao Bosque Maia)

R$ 36