Guarulhos decreta estado de calamidade pública

 

A Prefeitura de Guarulhos decretou na noite desta segunda-feira (23) estado de calamidade pública municipal, diante da pandemia do coronavírus. O anúncio, feito pelo prefeito Guti, aguarda a aprovação da Assembleia Legislativa do Estado para que se possa determinar as medidas de apoio para o enfrentamento dos problemas causados pela doença.

O estado de calamidade pública significa que a capacidade de ação do poder público está comprometida por uma situação e, com isso, solicita auxílio com a liberação de recursos financeiros, efetivo e materiais de emergência. “Neste momento precisamos usar todas as opções possíveis. Por isso estamos decretando estado de calamidade, para que possamos utilizar verbas e outras possibilidades para o combate ao coronavírus”, disse Guti.

O prefeito aproveitou a ocasião para anunciar que o Centro de Combate ao Coronavírus (CCC) de Guarulhos será inaugurado no fim desta semana. “Será um equipamento importantíssimo para assegurarmos à população o atendimento para suspeitas da doença, além de desafogar nossos hospitais. Nele, haverá drive-thru, salas de isolamento, testes, um tomógrafo capaz de identificar o coronavírus, entre outros materiais. A vida não tem preço, vamos trabalhar com o que está ao nosso alcance”, concluiu Guti.