quarta-feira, 16 de junho de 2021
InícioCANAISEDUCAÇÃOMPSP recomenda que Biritiba Mirim mantenha suspensão de aulas presenciais

MPSP recomenda que Biritiba Mirim mantenha suspensão de aulas presenciais

Promotores de Justiça com atuação nas áreas de Saúde Pública e Infância e Juventude recomendaram ao prefeito de Biritiba Mirim, Walter Hideki Tajiri, que impeça a retomada, ainda em 2020, de atividades presenciais nas escolas públicas e privadas do município. A medida visa a impedir a contaminação maciça da comunidade escolar pelo vírus causador da covid-19. 

No documento, os promotores Fernando Lupo e Bruno Ferreira levam em consideração, por exemplo, o fato de Biritiba Mirim estar inserido na fase 3 – amarela do Plano São Paulo, o que impede a reabertura das escolas. Além disso, citam nota pública do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda) com referência a estudo em que se apurou que o contato, por apenas um dia, em cenário de sala de aula com vinte alunos, poderia gerar a exposição, direta e indireta, de ao menos 74 pessoas.

Na mesma recomendação, os membros do MPSP apontam o resultado de consulta popular realizada em Biritiba Mirim. O levantamento constatou que 96% dos responsáveis por estudantes são contra a retomada de atividades escolares presenciais.

O eventual desrespeito à recomendação pode levar à responsabilização do prefeito por ato de improbidade administrativa, “tendo em vista que o grau de ilegalidade das medidas de flexibilização antecipadas trata-se de erro grosseiro (…)”.

Na contramão do posicionamento do Ministério Público, gestores de escolas particulares defendem que as instituições estariam preparadas para a volta dos alunos às aulas presenciais, o que já mostra inviável no atual momento. O argumento central é que as crianças e adolescentes não estão indo às escolas, mas têm ficado em casas de parentes, reúnem-se em brincadeiras em condomínios ou perto de suas residências, sem os devidos cuidados que seriam tomados se estivessem indo às aulas.

Em Guarulhos, o prefeito Guti prorrogou a suspensão das aulas presenciais até 30 de novembro.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,370SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

PIS-Pasep 2020-2021: mais de 700 mil trabalhadores ainda não sacaram o abono salarial

Mais de 700 mil brasileiros não sacaram ainda aproximadamente R$ 440 milhões do abono salarial PIS-Pasep 2020-2021. Os trabalhadores com direito ao benefício têm...

Castillo se aproxima de vitória na eleição presidencial do Peru

O candidato socialista peruano Pedro Castillo está perto de ser nomeado próximo presidente do país, uma vez que lidera a contagem de votos contestados...

SUS passa a realizar exame para detecção de fungos que atacam sistema nervoso

Pessoas que vivem com o vírus da imunodeficiência humana (PVHIV) de forma assintomática passam a contar com um novo exame para rastreio de infecção...

Obras de 2.159 moradias no novo formato do Nossa Casa – CDHU serão anunciadas...

A Secretaria de Estado da Habitação anuncia, em breve, o início das obras de urbanização de 2.159 lotes do empreendimento do Programa Nossa Casa...

Viúvos de 95 anos que encontraram o amor em plena pandemia se casam após...

Com o distanciamento social e a interação física bastante limitada por conta da quarentena, namorar em tempos de coronavírus provou ser um desafio para...