PUBLICIDADE
InícioCANAISEDUCAÇÃOEstado constrói escola em tempo recorde: 6 meses

Estado constrói escola em tempo recorde: 6 meses

Publicado em
PUBLICIDADE

Como parte do programa Gabinete 3D, lançado na sexta-feira, 27, em São Sebastião, pelo governo estadual, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) apresentou a reconstrução da Escola Estadual Plínio Gonçalves de Oliveira Santos, afetada pelas fortes chuvas em fevereiro deste ano. A construção está sendo feita em tempo recorde, de seis meses, com investimento de R$12 milhões. O governador Tarcísio de Freitas visitou as obras da escola.

Para a população, a obra foi apresentada por meio de um vídeo e uma maquete (na foto) do projeto Gabinete 3D, instalado no Complexo Turístico da Rua da Praia. No lançamento do gabinete, a Secretaria da Educação esteve representada pelo presidente da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), Jean Pierre Neto. A FDE é responsável pela obra da nova Escola Estadual Plínio Gonçalves de Oliveira Santos, com entrega prevista para o mês de dezembro. 

Escola reconstruída após as chuvas

 

O novo projeto de construção prevê duas frentes de atuação: obras estruturais e de áreas de uso comum dos alunos, construídas em alvenaria in loco, e a instalação de espaços pré-fabricados em madeira, como salas de aulas e laboratórios. Ambas as etapas já atingiram os 50% de execução. 

A reconstrução da escola estadual terá duração de apenas seis meses, o que representa um quarto do previsto para obras do mesmo porte. Isso é possível graças a um projeto arquitetônico inovador e ao fato de a obra ser considerada emergencial e, portanto, permitir contratação com dispensa de licitação.

Além de ser entregue em tempo recorde, a nova unidade também terá redução de custos, caindo a quase metade do estimado: de cerca de R$ 22 milhões para apenas R$ 12 milhões. O uso de estruturas modulares e o aproveitamento de uma parte da construção já existente são fatores determinantes para a queda no valor total da obra.

A edificação antiga da unidade escolar já começou a ser demolida e foram iniciadas as obras de construção em alvenaria de novos vestiários, banheiros e refeitório. As obras de contenção do terreno foram concluídas neste mês de outubro.

Já a estrutura física interna da escola está em fase de produção em Foz do Iguaçu (PR). A montagem em São Sebastião começou em 10 de outubro, com duração prevista de cinco semanas. 

Com a obra finalizada, a unidade terá 4.000m2 de área construída, contará com 12 salas de aula, quatro laboratórios – de Culinária, Biologia, TI e Química – além de cozinha, refeitório, banheiros e vestiários em alvenaria. Em uma outra etapa, a entrega da quadra coberta está prevista para abril de 2024.

A nova escola, que integra a rede estadual com o Programa Ensino Integral (PEI), atenderá mais de 300 alunos do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). A partir de 2024, a unidade passará a funcionar das 7h às 16h. Serão nove horas diárias de atividades curriculares e pedagógicas e fornecimento de três refeições. A EJA será ministrada no horário noturno.

“Investir em educação é manter o compromisso de garantir um futuro promissor às nossas crianças. Fico muito satisfeito de podermos entregar uma escola nova, bonita e com projeto inovador e sustentável à comunidade escolar”, afirma Jean Pierre Neto.

Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE
Redes Sociais
28,870FãsCurtir
3,337SeguidoresSeguir
1,683SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever
PUBLICIDADE

Últimas publicações

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE